Rio Branco,

Rio Acre eleva nível em Assis Brasil e põe municípios do Alto Acre em atenção

Por Ac24Horas

As chuvas intensas registradas nos últimos dias na regional do Alto Acre elevaram consideravelmente o nível das águas do Rio Acre no município de Assis Brasil, na fronteira com o Peru e a Bolívia, fato que representa o início da atenção na região com a possibilidades de enchentes de grandes proporções como ocorridas em tempo recente.

Segundo dados do aplicativo Hidroweb Mobile, da Agência Nacional de Águas (ANA), nesta segunda-feira, 28, o município registrou índice pluviométrico de 37 milímetros e o nível do Rio Acre chegou a 9 metros e 58 centímetros na atualização das 13h15 no horário do Acre – a cota de alerta é 11,30 metros e a de transbordamento 12,50 metros.

No último fim de semana, Assis Brasil acumulou cerca de 65 milímetros de chuvas, volume suficiente para alagar ruas no centro da cidade, atingindo residências, comércios e agências bancárias, como foi o caso da Caixa. A razão dos alagamentos, no entanto, não foi a elevação do Rio Acre, mas a deficiência no sistema de drenagem das ruas.

Em Brasiléia, a estação hidrometeorológica da ANA registrou nesta segunda-feira, às 14h15m no horário local, 16,8 milímetros de chuva e o nível do Rio Acre em 7 metros e 20 centímetros. Na cidade que é separada da vizinha Epitaciolândia apenas pelo rio, a cota de alerta é de 9,80 metros e a de transbordamento é de 11,40 metros.

No município de Xapuri, onde a cota de alerta é de 12,50 metros e a de transbordo de 13,40, o Rio Acre chegou ao nível de 5,57 metros nesta segunda-feira, às 14h30m, no horário do Acre, com índice de chuvas (5,6 mm) inferior aos registrados nos municípios vizinhos na mesma data.

Os dados acima, divulgados pela Agência Nacional de Águas (ANA), são oriundos das estações telemétricas que compõem os Sistemas de Alerta Hidrológico implantados e operados pela Companhia de Pesquisa de Recursos Minerais (CPRM), que tem as atribuições de Serviço Geológico do Brasil.

 




ÚLTIMAS