Rio Branco,

Mega da Virada: matemático dá dicas para apostas; prêmio é de R$ 300mi

Jogo

Por Estado de Minas

Dezembro é tempo de renovar esperanças e rever metas para o ano que se aproxima. Nessa época, as resoluções se somam a um sonho comum: o desejo de ficar rico.

Até a próxima quinta-feira, às 17h, as apostas para a Mega da Virada podem ser feitas. Neste ano, o prêmio está estimado em R$ 300 milhões, e deve ser o 4° maior da história.

O professor de matemática Henrique de Faria explica que a quantidade de apostas, ao contrário do que muitos acreditam, pode não gerar mais chances de acertar.

“Existe uma crença popular de que o melhor é fazer vários jogos de seis números, porque isso aumentaria a probabilidade de ganhar, mas não é verdade”, afirma.

Segundo o professor, as chances de acertar são as mesmas ao fazer um jogo de sete números ou sete jogos de seis números.

“Não tem vantagem, só desvantagem: a perda de tempo”, avalia, acrescentando que o preço saltaria de R$ 4,50, valor de um jogo com seis números, para R$ 31,50, montante para sete números.

A probabilidade de vencer com um jogo de sete números é de 1 para 50.063.860, ou seja, 0,000002%. Com sete jogos de seis números, as chances são de 0,000014%.

Sobre os investimentos possíveis com o dinheiro, o professor não aconselha a poupança, já que o rendimento é abaixo da inflação.

“Na prática, há perda de dinheiro, porque se desvaloriza ao longo do tempo.” Caso o prêmio fosse investido na poupança, o rendimento mensal chegaria a R$ 360 mil. “Hoje em dia, a taxa não é mais fixa. Estamos em um período de rendimentos baixos na poupança, de 0,12% ao mês”.

De acordo com a Caixa Econômica Federal, quatro apostas do DF já foram sorteadas na Mega da Virada, desde 2009, quando os números sortudos dividiram o prêmio com outros, do estado de São Paulo.

Em 2011, o prêmio de R$ 177,6 milhões foi dividido entre apostas do Distrito Federal, do Pará, de Minas Gerais, de São Paulo e do Ceará.

Em 2014, os números da sorte do DF somaram-se a outros de Mato Grosso e São Paulo, para dividir o valor de R$ 263,2 milhões.

Em 2018, uma aposta do Gama levou, junto com outros felizardos de 14 estados, a bolada de R$ 302,5 milhões, a terceira maior da história da Mega da Virada.

Os números 3, 5 e 10 foram os que mais saíram nos últimos 10 sorteios: cada um apareceu três vezes. Entre as dezenas, as mais sorteadas estão na casa dos 50, que saíram em oito dos últimos 10 anos do sorteio.

 




ÚLTIMAS