Rio Branco,

Irmãos são mortos a facadas após serem condenados pelo ‘tribunal do crime’ no Acre

Por Ithamar Souza, Ecos da Notícia

Os irmãos Ronaldo Rodrigues da Silva, 33 anos, e Antônio Rodrigues da Silva, 31, foram mortos a facadas na tarde do último sábado (12), no Ramal Boa Esperança, na Vila Caquetá, zona rural de Porto Acre.

Segundo informações da polícia, os irmãos foram mortos por membros de uma organização criminosa, que condenaram os dois por roubo. Ainda segundo a policia, Ronaldo e Antônio estavam sendo investigados pelo roubo de uma motocicleta e com isso as polícias Civil e Militar passaram a realizar diligências na área onde os irmãos moravam, incomodando os faccionados.

Na tarde do sábado, bandidos montaram uma emboscada na saída do ramal próximo o residência das vítimas. Os irmãos foram mortos com várias facadas após serem julgados e condenados pelo “tribunal do crime”.

Os corpos foram encontrados por moradores da região, que acionaram a Polícia Militar. Os cadáveres foram removidos por agentes do Instituto Médico Legal (IML) e levados para a sede em Rio Branco.

Ainda segundo a PM, não há informações sobre quantas pessoas participaram do crime, pois a facção que está presente na região do ocorrido impõe a “lei do silêncio”.

O caso será investigado por agentes da Polícia Civil de Porto Acre.

 




ÚLTIMAS