Rio Branco,

Gusttavo Lima perde processo; compositor quer R$ 20 milhões

Por Portal Popline

O cantor Gusttavo Lima perdeu a segunda instância do processo movido pelo compositor De Lucca (André Luiz Gonçalves da Silva). A informação foi divulgada pelo jornal carioca O Dia. Gusttavo é processado pelos direitos autorais da música “Fora do Comum”, lançada em 2011.

Ouça a música “Fora do Comum”:

De Lucca pede uma indenização de R$ 20 milhões por danos morais. Gusttavo Lima está recorrendo da ação. O cantor tentou um acordo, oferecendo apenas R$ 50 mil para o compositor encerrar o caso, mas De Lucca não aceitou. Gusttavo ainda queria parcelar o valor em dez vezes.

De acordo com o jornal, Gusttavo Lima solicitou que o processo fosse julgado pelo Superior Tribunal de Justiça, para que pudesse manter a decisão de extinção da ação. Mas o recurso não foi admitido.

Entenda o processo contra Gusttavo Lima

De Lucca recorreu à Justiça afirmando que Gusttavo Lima assinou a composição de “Fora do Comum” ilegalmente e que não lhe passou os lucros da música. De Lucca afirma ser o único autor de “Fora do Comum”. “Gusttavo não compôs nenhum trecho”, garante o advogado do compositor.

Um juiz acabou arquivando o caso, porque De Lucca só entrou na Justiça em 2016. Segundo o juiz, o prazo legal para mover a ação seria de até três anos após o lançamento da música (ou seja, em 2014). Mas o caso ganhou um desdobramento neste ano, porque a Justiça concedeu a De Lucca o direito de continuar o processo.

Prefeitura de Salvador cancela “Show da Virada” com Ivete Sangalo e Gusttavo Lima

A Virada Salvador 2021 foi cancelada na tarde de segunda-feira (7/12), afirmou o prefeito ACM Neto durante uma coletiva. Os shows de Ivete Sangalo e Gusttavo Lima aconteceriam no dia 31 de dezembro. Mas com o cancelamento, haverá um bloqueio dos acessos ao bairro da Barra no dia da virada.

“Queríamos fazer uma virada de ano segura. Estamos totalmente convencidos de que o evento, no caso a live no forte de São Marcelo é segura. Contudo, nós queremos mandar um recado para a população. Nos últimos 15 dias lancei a virada, e de lá para cá, as coisas pioraram muito. Está mais grave e preocupante. Infelizmente, dado esse aumento expressivo, o momento da entrada de 2021, não será um momento para celebração”, disse ACM Neto.

 




ÚLTIMAS