Rio Branco,

Galvez vacila e cede o empate para o América-RN: 1 a 1

Por MANOEL FAÇANHA / NA MARCA DA CAL

O Imperador Galvez perdeu grande oportunidade de abrir vantagem no primeiro confronto das oitavas-de-final do Campeonato Brasileiro da Série D-2020. Neste domingo (20), na Arena Acreana, o campeão acreano, após abrir o placar e ficar com um jogador mais durante quase 70 minutos de partida, vacilou e sofreu o empate na etapa complementar de jogo diante do América-RN.

Com o empate em casa, o Galvez vai para o jogo da volta precisando vencer para avançar na competição. Um novo empate leva a decisão da vaga as cobranças de penalidades. O jogo da volta será disputado no próximo domingo (27), às 16h (horário de Brasília), na Arena das Dunas, na cidade de Natal-RN.

Jogo

Com temperatura elevada, o jogo começou muito igual, mas aos poucos, o Galvez conseguiu fugir da pressão imposta pelo adversário na sua saída de bola.

Numa boa troca de passe entre Adriano e Daniego, o segundo finalizou rasteiro para vencer o goleiro americano Victor Paiva e abrir o placar na Arena Acreana, aos 12 minutos.

O atacante Adriano comemora com companheiros o gol do Galvez contra o América-RN. Foto/Manoel Façanha

Três minutos depois, o atacante Daniego recebe passe no meio da zaga dos visitantes e tocou de cavadinha na saída do goleiro Victor Paiva. A bola tocou no travessão dentro do gol, mas o assistente Kleber Alves Ribeiro não marcou o gol. Um erro que pode fazer a diferença na soma dos dois confrontos.

O Mecão então respondeu com perigo. Rodrigo Andrade recebeu na grande área e, sozinho, finalizou rasteiro, mas o goleiro Luiz Miller faz grande defesa e evitou o empate do time americano, aos 19 minutos.

Num erro infantil do goleiro americano Victor Paiva, o atacante Adriano mostrou toda a sua esperteza. O artilheiro imperialista tomou a bola do adversário e avançou no rumo do gol, mas acabou parado com falta fora da área pelo goleiro. O árbitro Rodrigo Batista Raposo (DF) aplicou a regra e expulsou o jogador infrator, aos 22 minutos.

Com um jogador a mais, o Galvez passou a dominar as ações contra um adversário que mostrava naquele momento da partida proporcionava muitos espaços na sua defensiva. O segundo gol imperialista chegou a ficar maduro e quase saiu no jogo aéreo, mas o volante Neto, na cara do gol, testou para fora, aos 29 minutos.

Com meia hora de bola rolando, o árbitro paralisou a partida para reidratação dos jogadores. O técnico americano Paulinho Kobayashi aproveitou o momento da paralisação para corrigir os erros de sua equipe.

Na retomada, o jogo esfriou e as duas equipes quase nada fizeram para mudar o panorama do placar.

Tudo igual

Na etapa complementar, o Galvez voltou diferente, mas retraído e dando espaço para o time americano.

O fato de jogar com um atleta a mais em relação ao time americano praticamente não era explorado pelo Galvez. O campeão acreano pouco chegava ao ataque e tinha dificuldades na transição das jogadas.

Num erro na saída de bola do goleiro imperialista Luís Miller , o América-RN deixou tudo igual. Foto/Manoel Façanha.

Com o Galvez praticamente abdicando de jogar para segurar o resultado, o castigo veio aos 26 minutos. O goleiro Luiz Miller errou na saída de bola e deu ela de presente para Wallace Pernambucano dentro da grande área. O atacante dominou e rolou para Felipe Guedes deixar tudo igual na Arena Acreana.

O gol foi uma verdadeira ducha de água fria na equipe do Imperador Galvez contra um adversário que mostrou eficiência e, mesmo com as dificuldades encontrada durante o transcorrer da partida, mostrou competência para igualar o placar e levar a decisão da vaga às quartas-de-final para dentro do seu território.

Arte/ge

 

                            Galvez 1 x 1 América-RN

Data: 20/12/2020

Local: Arena Acreana

Árbitro: Rodrigo Batista Raposo (DF)

Assistente 1: Kleber Alves Ribeiro (DF)

Assistente 2: Leila Naiara Moreira Cruz (DF)

Quarto árbitro: Fábio Santos de Santana (AC)

Gols: Adriano (GEC); Felipe Guedes (América-RN)

Cartões amarelos: Bebeto e Jô (GEC)

Cartões vermelhos: Victor Paiva (América-RN)

Galvez: Luiz Miller, Giovani, Weverton, Jô e Nickson (Renato); Neto, Bebeto (Digão), Felipe; Dodô (Erick), Adriano e Daniego. Técnico: Paulo Roberto Oliveira

América-RN: Victor Paiva, Neilson, Adimar, Marcelo e Neguete (Lucas Freitas); Felipe Guedes, Elias (Clennyson), Rodrigo Andrade (Gustavo Xuxa) e Rondinelly (Tartá); Romarinho e Wallace (Anderson Paraíba). Técnico: Paulinho Kobayashi

 




ÚLTIMAS