Jovem é ferido com quatro tiros após separar briga de casal em um bar em Rio Branco
Siga-nos

Rio Branco,

Jovem é ferido com quatro tiros após separar briga de casal em um bar em Rio Branco

Ithamar Souza, Ecos da Notícia

O jovem Samuel da Silva Costa, de 22 anos, foi baleado após separar a briga de um casal, na madrugada deste sábado (31), em um bar na Alameda Polônia, no bairro Jardim de Alah, em Rio Branco.

Segundo informações da Polícia Militar, Samuel estava bebendo nesse bar, quando um casal começou a brigar dentro do estabelecimento. Não concordando com as agressões que homem fazia contra mulher, o rapaz resolveu intervir e tentou separar a briga.

O agressor, identificado como Matheus Ferreira de Paiva, de 27 anos, não concordando com a intervenção de Samuel, foi em um carro modelo HB20 de cor prata, pegou um revólver calibre 38, se aproximou de Samuel e começou a atirar. Tentando se livrar dos tiros, a vítima ainda conseguiu correr e caiu ferida fora do bar. Após o crime, o autor e outras três mulheres entraram em outro carro, de modelo Gol de cor prata, e fugiram.

O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi acionado e levou Samuel ao pronto-socorro de Rio Branco em estado grave. Segundo um médico do Samu, Samuel foi atingido por quatro tiros, sendo dois nas costas e dois no abdômen.

A Polícia Militar colheu as informações e conseguiu interceptar o veículo modelo Gol no BR-364, próximo a rotária na entrada do Calafate.

No veículo foram encontrados Matheus e as três mulheres, identificadas como Marcilene da Cruz Gomes, 28 anos, Mirla Andrade Pereira, 25, e Juliana de Souza Dias, 21.

Durante a revista no carro foi encontrado uma trouxinha de entorpecente e próximo ao automóvel foi localizado o revólver calibre 38 com 4 munições deflagrada.

Diante dos fatos, foi dada voz de prisão aos quatro envolvidos, que foram encaminhados para a Delegacia de Flagrantes, para a tomada das medidas cabíveis.

Escreva seu comentário

Informamos aos nossos caros leitores que a Equipe Ecos da notícia não se responsabilizará pelas consequências jurídicas
sobre os comentários divulgados.