27 outubro 2021 2:52 am
21.3 C
Rio Branco
27 outubro 2021 2:52 am

Gilmar Mendes nega pedido de bolsonaristas para afastar comando da CPI das Fake News

Justiça

Metro 1
Foto : Divulgação
- Publicidade-

 

O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Gilmar Mendes, negou um pedido feito por parlamentares bolsonaristas para afastar o comando da Comissão Parlamentar Mista de Inquérito do Congresso Nacional que investiga a disseminação de conteúdo falso na internet.

Atualmente, o presidente da CPI das Fake News é o senador Ângelo Coronel (PSD-BA) e a sua relatora, a deputada federal Lídice da Mata (PSB-BA). A decisão de Gilmar Mendes foi tomada na sexta-feira (14), mas só foi tornada pública hoje (17).

O pedido havia sido impetrado pela deputada Bia Kicis (PSL-DF), que alegou que a suspeição da dupla por terem participado de programas jornalísticos nos quais teriam demonstrado “falta de parcialidade”.

O ministro disse que as entrevistas concedidas por Coronel e Lídice da Mata não poderiam configurar a suspeição da dupla no comando da CPI, uma vez que os dois teriam direito à imunidade parlamentar e não poderiam ser afastados do comando da comissão apenas por terem expressado suas opiniões sobre o assunto.

- Publicidade-
spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

ÚLTIMAS NOTÍCIAS