Rio Branco,

Mulher de Queiroz contatou advogados para avaliar delação premiada

Delação

Por André Guilherme Vieira, Valor

Com prisão preventiva decretada desde o dia 18 e considerada foragida,

A esposa de Fabrício Queiroz, Márcia Oliveira de Aguiar, contatou dois escritórios de advocacia para avaliar a possibilidade de firmar um acordo de delação premiada com a Justiça.

Segundo apurou o jornal Valor Econômico, os contatos foram feitos por um emissário de Márcia, que falou, também, em nome da filha do casal, Nathália.

A mulher de Queiroz está foragida desde a semana passada. Queiroz, por sua vez, está preso.

Ele é ex-assessor do senador Flávio Bolsonaro, e investigado pela suposta participação em um esquema de “rachadinha” na Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro. O próprio ex-assessor estaria negociando um acordo de delação premiada com o Ministério Público do Rio de Janeiro, que conduz as investigações, segundo a CNN Brasil.




ÚLTIMAS