28 novembro 2021 3:28 pm
28.3 C
Rio Branco
28 novembro 2021 3:28 pm

Segunda parcela do auxílio de R$ 600 deve ser paga a partir da semana que vem

Folha de São Paulo
-------- Continua depois da Publicidade--------

A Caixa Econômica Federal deverá começar a pagar a segunda parcela do auxílio emergencial de R$ 600 no meio da próxima semana, segundo informou o ministro Onyx Lorenzoni (Cidadania) em entrevista no programa Brasil Urgente nesta quinta-feira (30).

De acordo com ele, até agora, 50 milhões de brasileiros têm direito de receber o auxílio emergencial, de um total de 96 milhões de CPFs analisados pela Dataprev (empresa de tecnologia do governo). Segundo o ministro, são 31 milhões de brasileiros não são elegíveis, ou seja, não terão direito ao benefício.

Há ainda um número de CPFs cuja análise foi inconclusiva, o que engloba 13,6 milhões de brasileiros. Neste caso, o ministro informou que começou a ser feita reanálise destes CPFs para identificar quem, dentre os mais de 13 milhões, têm direito ao auxílio para que o pagamento seja feito.

“Hoje [quinta-feira,30], já começaram a procurar nestes 13 milhões de CPFs quem tem direito, para solucionar sem que a pessoa tenha que fazer novo cadastramento. É um trabalho grande e nós estaremos, já na próxima semana, com a verificação destas pessoas.”

Ele diz ainda que ​a Dataprev trabalha “para colocar um site no ar para a pessoa saber exatamente o que aconteceu com ela”.

Sobre o pagamento da segunda parcela, o ministro informou ainda que, quem tem direito ao benefício e ainda não recebeu irá ter a grana retroativa, caso se inscreva até 2 de julho e cumpra todas as exigências. Neste caso, é possível receber até R$ 1.800 de uma vez.

Mais de 6 milhões recebem na semana que vem

O ministro disse também que, na semana que vem, a Caixa deve liberar o benefício para mais de 6 milhões de pessoas. Esses cidadãos se inscreveram via aplicativo ou site e tiveram seus CPFs analisados pela Dataprev nesta semana. Os dados estão sendo enviados para a Caixa.

Balanço do banco divulgado nesta quinta-feira (30) mostra que, até as 17h, 49,7 milhões de informais haviam se inscrito no site ou no aplicativo do auxílio emergencial para ter o benefício.

-------- Continua depois da Publicidade--------

ÚLTIMAS NOTÍCIAS