Enquanto explodem casos da Covid-19 no Brasil, Bia Kicis usa máscara com a frase “E daí?” na Câmara
Siga-nos

Rio Branco,

Enquanto explodem casos da Covid-19 no Brasil, Bia Kicis usa máscara com a frase “E daí?” na Câmara

UOL

A deputada federal Bia Kicis (PSL-DF) compareceu ontem (20) a uma sessão plenária na Câmara dos Deputados utilizando uma máscara de proteção com uma imagem sua e a frase “E daí?”, em referência a uma fala do presidente Jair Bolsonaro amplamente criticada.

A expressão foi utilizada por Bolsonaro, de quem a parlamentar é próxima, em conversa com jornalistas no dia 28 de abril. Quando perguntado sobre o número de mortes por coronavírus, que havia quebrado um recorde diário, ele respondeu “e daí? Lamento. Quer que eu faça o quê? Eu sou Messias, mas não faço milagre”. A declaração repercutiu em todo o país e foi alvo de diversas críticas por denotar desprezo às vítimas fatais da Covid-19 no Brasil.

No Twitter, a deputada se defendeu das desaprovações à sua atitude. Em vídeo publicado na rede social, ela utiliza a expressão “e daí?” para compor diversas frases, como “e daí que há anos os hospitais da rede pública sempre estiveram superlotados, onde milhares de brasileiros já morreram por falta de atendimento, falta de medicamentos e médicos?”.

Na publicação, ela também diz “antes e daí do que ‘ainda bem”, referindo-se a fala do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT). Numa declaraçãofeita anteontem, Lula disse que “ainda bem que a natureza, contra a vontade da humanidade, criou esse monstro chamado coronavírus”. Ontem, o ex-presidente se desculpou pela frase, que classificou como “infeliz”.

Ontem, um dia após o Brasil registrarmais de mil mortes em 24 horas pela covid-19, o Ministério da Saúde divulgou a maior quantidade de resultados de diagnósticos entre um dia e outro desde o início da pandemia: 19.951 casos confirmados, totalizando 291.579 infectados no país.

São 888 novos óbitos confirmados pela pasta entre anteontem e ontem. Com isso, chega a 18.859 o número de mortes pelo novo coronavírus.

De acordo com a plataforma Worldometers, que disponibiliza o ranking mundial dos casos da Covid-19, o Brasil ocupa a terceira posição, com 294 mil confirmações, atrás dos Estados Unidos (1,5 milhão) e da Rússia (317 mil).

Escreva seu comentário

Informamos aos nossos caros leitores que a Equipe Ecos da notícia não se responsabilizará pelas consequências jurídicas
sobre os comentários divulgados.