Prefeitura de Rio Branco restaura galpão do produtor do Mercado Elias Mansour - Ecos da Notícia
Siga-nos

Rio Branco,

Prefeitura de Rio Branco restaura galpão do produtor do Mercado Elias Mansour

Departamento de comunicação da PMRB

Aproveitando a redução do fluxo de pessoas, devido às medidas de contenção da pandemia de Covid-19, a Prefeitura de Rio Branco está realizando o trabalho de restauração do galpão do produtor do Mercado Elias Mansour.

A ação, integrada entre as secretarias municipais de Infraestrutura e Mobilidade Urbana (Seinfra) e de Agricultura Familiar e Desenvolvimento Econômico (Safra) teve início nesta segunda-feira (18) com prazo de execução de uma semana.

De acordo com o secretário da Seinfra, Edson Rigaud, os serviços incluem limpeza geral, desobstrução de calhas, reparos na cobertura e pintura. “Conforme nos foi designado pela prefeita Socorro Neri, o espaço ficará limpo, bonito e apropriado para a comercialização dos produtos hortifrutigranjeiros”, completou.

Com a obra, o local teve suas atividades suspensas no período e está fechado enquanto durar a intervenção e como explicou o secretário da Safra, Paulo Braña, o processo foi dialogado com os produtores.

“Havia a necessidade de fazermos essas melhorias para tornar o ambiente mais saudável para todos, assim acordamos com os permissionários que este seria o melhor momento e a melhor for.a uma vez que com fluxo normal seria mais complicado e em funcionamento não teríamos como fazer pois durante a obra está sendo feita raspagem, tem produtos químicos, as tintas e não é possível deixar os produtos em contato com esse material”, detalhou.

Os produtores, no entanto, segundo acrescentou Braña, poderão comercializar na Ceasa, de acordo com o rodízio que já fazem em dias alternados. De segunda a quarta-feira; de quarta a sexta-feira; e de sexta-feira a domingo, sendo cada grupo em dois dias e meio.

Atualmente, com a pandemia, 60 dos 130 produtores mantém suas bancas de vendas de hortifrutti no galpão do produtor do Mercado Elias Mansour em sistema de rodízio.

“Muitos são do grupo de risco, então estão trabalhando com entrega e outros meios. Estamos seguindo todas as regras sanitárias, como tem orientado a prefeita Socorro Neri, para garantir a segurança de todos”, concluiu.

Escreva seu comentário

Informamos aos nossos caros leitores que a Equipe Ecos da notícia não se responsabilizará pelas consequências jurídicas
sobre os comentários divulgados.