Rio Branco,

COMPROMISSO: Equipe do pronto-socorro presta assistência à mãe vítima de arma de fogo

Por Agência de Notícias do Acre

Vítima de disparo de arma de fogo, na região pélvica, a paciente R.S.M, grávida de 35 semanas, deu entrada no pronto-socorro do Hospital de Urgências e Emergências de Rio Branco (Huerb), de Rio Branco, em estado urgência, na manhã desta segunda-feira, 30. A equipe do centro cirúrgico da unidade realizou a cesariana para a retirada do bebê que foi transferido para a Unidade de Terapia Intensiva (UTI), da maternidade Bárbara Heliodora.

A mãe da criança, Rayla da Silva Monteiro, encontra-se estável e também será transferida para a maternidade Foto: Cedida
Publicidade

A mãe da criança, Rayla da Silva Monteiro, encontra-se estável e também será transferida para a maternidade. Segundo o diretor-geral do Pronto-Socorro de Rio Branco, Areski Peniche, o bebê já encontrava-se em um estado de sofrimento fetal.

“Graças a Deus a bala não atingiu nenhum órgão que pudesse comprometer a vida da senhora. O bebê por ser prematuro, já encontrava-se em um quadro de sofrimento fetal, então, ele foi entubado e encaminhado diretamente para a maternidade Bárbara Heliodora”, contou o diretor geral Areski Peniche.

De imediato, a equipe do Pronto-Socorro, dedicou-se em garantir a segurança do bebê e da mãe, para que ambos não corressem risco de morte. De acordo com o diretor da unidade, a mãe deve ser transferida para a maternidade ainda na tarde desta segunda-feira.

“A mãe do bebê ficou dentro do centro cirúrgico cumprindo o prazo da espera pós-anestésica que é um procedimento padrão, mas estável, sem risco de morte e agora na parte da tarde ela vai ser encaminhada para a maternidade, na qual, ela permanecerá internada”, destacou Areski Peniche.

Matéria relacionada

https://ecosdanoticia.net.br/2019/12/30/criminosos-matam-homens-a-tiros-e-deixam-gravida-ferida-na-baixada-da-sobral.html


Publicidade




ÚLTIMAS

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
Publicidade