Jovem que espancou pai para proteger mãe é libertado após 6 anos de prisão

55 mil pessoas assinaram uma petição que exige a libertação de Benjamin.

 

Benjamin Wilson tinha apenas 22 anos quando foi preso, no Reino Unido, por ter espancado o pai com um martelo para defender a mãe que era, de acordo com o jornal Mirror, frequentemente agredida pelo companheiro.

Agora, aos 27 anos, e depois de quase seis anos detido, o jovem britânico foi libertado. O advogado de Defesa apresentou um novo recurso e o juiz decidiu reduzir a pena para metade.

O pai de Benjamin, que já tinha sido condenado a dois anos de prisão por agredir a mulher, foi descrito em tribunal com as palavras “bêbedo, violento e desagradável”.

Na altura em que foi condenado, mais de 55 mil pessoas assinaram uma petição a pedir a sua libertação. Contudo, o primeiro juiz a analisar o caso decidiu condená-lo devido à violência do ataque. Benjamin deixou o pai com danos cerebrais irreversíveis, maxilar partido, e rosto deformado.

Em 2017, o homem acabou por se matar, enquanto o filho cumpria pena.

Já Benjamin voltou a viver com a mãe quando saiu da prisão. Com informações Notícias ao Minuto.

 

Você pode gostar

Mais Notícias
Ver Mais