Gladson leva ao Ministério da Agricultura ações do Acre no combate à febre aftosa

O governador Gladson Cameli esteve reunido na manhã desta quarta-feira, 2, com a ministra da Agricultura, Tereza Cristina, para manifestar o compromisso do Estado do Acre com as recomendações realizadas em auditoria para avaliação da qualidade dos serviços veterinários do Instituto de Defesa Agropecuária e Florestal (Idaf), cujo objetivo é fazer com que o Acre ingresse no Bloco 1 da retirada da vacinação contra a febre aftosa.

Cameli informou à ministra sobre o aumento de quantitativo de médicos veterinários, técnicos agropecuários e administrativos, com vínculo efetivo ao Idaf por meio de cessão de servidores públicos efetivos de outras secretarias e autarquias.

“Também estamos estudando a viabilidade para a realização de concurso público visando reforçar o quadro de servidores para o ano de 2020. Dessa forma, substituiremos 100% dos servidores a serem aposentados e o aumento de servidores efetivos”, disse ele.

O governador levou, ainda, à ministra da Agricultura o estabelecimento do programa permanente de capacitação técnica em convênio de cooperação técnica com os cursos de graduação e pós-graduação em medicina veterinária da Universidade Federal do Acre (Ufac).

O governador solicitou apoio do ministério quanto aos critérios para exportação da carne dos frigoríficos acreanos para o Peru.

A ministra explicou ao governador que o governo federal está trabalhando no sentido de abrir o intercâmbio comercial para que os estados brasileiros tenham garantia de desenvolvimento em todas as cadeias de produção.

Cameli esteve no ministério acompanhado do chefe da Representação do Acre em Brasília, Ricardo Franca; do secretário de Ciência e Tecnologia, Anderson Abreu, e da secretária de Comunicação, Silvânia Pinheiro.

Você pode gostar

Mais Notícias
Ver Mais