Rio Branco,

Prefeita Socorro Neri inaugura primeiro Centro Público de Atendimento ao Autista do Acre

Inauguração

Por Por Departamento de Comunicação da PMRB

Rio Branco e o Acre ganharam nesta sexta-feira, 30, o primeiro Centro Público de Atendimento ao Autista. O espaço, anexo à Policlínica Barral y Barral, foi inaugurado pela prefeita Socorro Neri e oferecerá atendimento multidisciplinar especializado para crianças de 2 a 12 anos diagnosticadas com Transtorno do Espectro Autista.

Publicidade

“Estamos iniciando o atendimento especializado na rede municipal de saúde voltado para os autistas. Neste primeiro momento vamos atender 80 crianças com diversas terapias e, certamente daremos à elas novas possibilidades e um acompanhamento para que elas se desenvolvam, cresçam saudáveis e felizes. São famílias que serão selecionadas pelo recorte de renda e vão ter aqui, além dos serviços de saúde, uma integração com a Educação e a Assistência Social como deve ser”, contou a prefeita Socorro Neri.

O investimento é de aproximadamente R$ 406 mil reais de convênio com o Ministério da Saúde, por meio da Caixa Econômica Federal, e outros cerca de R$ 27 mil provenientes de recursos próprios. O secretário de Saúde de Rio Branco, Oteniel Almeida, destacou que o Centro possibilita a garantia de direitos para os autistas. “Essas crianças sofrem muito preconceito por conta das suas condições, e aqui é um ambiente onde elas vão poder ter a sua convivência restabelecida na sociedade, porque por conta de algumas situações comportamentais elas estão muitas vezes excluídas. Então essas terapias vão ajudar para que elas tenham autonomia, que os pais voltem a ter a convivência nos ambientes familiares e sociais”.

Para o presidente da Associação Família Azul, Abrahão Pupio, a abertura do Centro de Atendimento ao Autista é um sonho realizado para centenas de famílias. “Eu estou emocionado. Todos os dias eu ouço pais e mães desesperados sem atendimento para seus filhos e muitos até sem o diagnóstico, mas com suspeita do autismo. Este local é algo inédito na saúde pública não apenas de Rio Branco, mas de todo o Acre. Hoje é um dia para comemorarmos”.

Mãe de duas crianças diagnosticadas com autismo, a policial militar Glória Medeiros disse que o atendimento especializado é em muitos casos mais importante do que a medicação. “Aqui eles vão poder ter atendimento de fisioterapeutas, fonoaudiólogos e terapia ocupacional. E a gente sabe que o autismo quando mais cedo identificado e começarem as intervenções, mais sucesso o tratamento tem, é mais fácil para as crianças desenvolverem sua autonomia quando forem adolescentes e adultas. Isso possibilita melhor qualidade de vida pra elas, possibilita que elas possam ter uma vida normal mesmo na condição de autista”.

Segundo dados da Organização Mundial de Saúde (OMS) são 70 milhões de pessoas com autismo em todo o mundo, 2 milhões somente no Brasil. No Acre não existem dados oficiais, mas estima-se que entre pessoas diagnosticadas ou não, o número seja de aproximadamente dez mil.

O Centro de Atendimento ao Autista funcionará com uma sala de integração sensorial com atendimento integrado com profissionais como terapeuta ocupacional, fonoaudiólogo e fisioterapeuta. Além do serviço de atendimento integrado à criança com autismo, também serão oferecidos atendimentos individuais com fisioterapeuta, fonoaudiólogo, terapeuta ocupacional e uma sala de atendimento de psicologia/ludoterapia (psicoterapia adaptada para o tratamento infantil, através do qual a criança, brincando, projeta seu modo de ser). O ex-deputado federal, Léo de Brito, teve emendas destinadas para a compra de equipamentos para o Centro. “É um momento de muita felicidade ver que mesmo depois de ter terminado o mandato nós continuamos contribuindo. São muitas famílias de autistas que vão ter a oportunidade de ter um espaço de excelência e que todo o apoio, todo o acolhimento será realizado aqui. Estou muito feliz, foi um investimento de R$ 1,2 milhão e agora eu recebi a notícia de que mais R$ 2 milhões foram liberados”.

“Hoje é um dos momentos mais importantes que nós estamos vivendo, era um espaço esperado faz muito tempo. Os autistas necessitam de atendimento especializado e hoje nós comemoramos este marco da saúde pública municipal. Parabenizo a prefeita Socorro Neri pela sensibilidade”, disse a vereadora Elzinha Mendonça.


Publicidade




ÚLTIMAS

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
Publicidade