Connect with us

geral

Prefeitura realiza “Operação Centro Seguro” na região do Calçadão

Publicado

em

Desde às primeiras horas da manhã desta sexta-feira (16), a Prefeitura de Rio Branco, por meio das secretarias de Infraestrutura e Mobilidade Urbana, Meio Ambiente, Agricultura Familiar e Desenvolvimento Econômico, Assistência Social e Direitos Humanos,  Zeladoria da Cidade e RBtrans, com apoio da Polícia Militar, realiza a Operação Centro Seguro, que tem por objetivo ocupar um perímetro na região do Calçadão da Benjamim Constant até então utilizado por ambulantes ilegais e melhorar a mobilidade na área.

Cerca de 40 servidores de diversas secretarias e policiais militares incluindo profissionais do Gabinete Militar da Prefeitura participam da ação na região Calçadão, abrangendo também o Terminal Urbano. O trabalho se estenderá pelo fim de semana com baldeação e limpeza profunda na região central.

A ação conta com intervenção no trânsito por meio da Superintendência Municipal de Transportes e Trânsito (RBtrans), além de medidas de alcance social pela Secretaria Municipal de Assistência Social e Direitos Humanos (SASDH) para atender os próprios ambulantes e moradores em situação de rua da região. Na área de zeladoria, os serviços são: capinação, raspagem de publicidade em postes, varrição e remoção de entulhos.

A Prefeitura está presente na região numa ação preventiva, para garantir a mobilidade e segurança dos usuários, principalmente pedestres, na parte central de Rio Branco onde ocorre a maior concentração de pessoas. A intervenção do Município, que envolve diversas secretarias, pretende não deixar o ambiente onde trabalham dezenas de ambulantes limpo e saudável.

 “Essa atividade, marca o cuidado da prefeita Socorro Neri com este espaço utilizado por ambulantes aqui no Calçadão. A ocupação irregular, por algumas pessoas, causa danos para todos, especialmente para nós que procuramos trabalhar conforme as leis e normas da cidade. Não há a menor dúvida de que se trata de uma grande ação da Prefeitura”, destacou Gleison Cordeiro Rocha, dono de uma loja de variedades no camelódromo, onde trabalha há 32 anos.

Para a major PM Alexandrina, que coordenou a operação pela Polícia Militar, o espaço pode ser melhor compreendido se partimos da premissa de que ele é o meio e o local de trabalho de muita gente, razão que sozinha, explica a necessidade de estar bem cuidada. Segundo a major, o trabalho articulado pela Prefeitura busca o respeito ao cidadão.

“As pessoas que estão legalizadas, que vem vender seus produtos, trabalhar para ganhar seu sustento, elas; tem agradecido a Polícia Militar, a Prefeitura e todas as secretarias, porque, estão conseguindo que seus clientes entrem nos comércios e permaneçam, façam as suas compras com segurança e tranquilidade o que não estava acontecendo, antes”, esclarece Alexandrina.

Propaganda

Veja também

Mais lidas

Portal de notícias do Acre | Diretor e Redator - Lenilda Cavalcante FENAJ 084 | Copyright © 2006-2019 ECOS DA NOTÍCIA - Todos os direitos reservados.