6 agosto 2022 10:50
6 agosto 2022 10:50

Denúncia por WhatsApp ajuda polícia apreender 20 kg de maconha na BR-364

Destaque

Por Por ASCOM Sejusp

- Publicidade -

Uma ação dos Agentes da Delegacia de Repressão ao Narcotráfico (Denarc) resultou na apreensão de 20 kg de maconha e na prisão da jovem Milena Iasnary de Queiroz, 18 anos, na madrugada desta segunda-feira (29) em um ônibus no posto de fiscalização da Polícia Rodoviária Federal na BR-364, em Rio Branco.

De acordo com o Delegado Pedro Resende, coordenador da Denarc, a droga vinha de Cuiabá-MT, tinha como destino final a capital acrena e foi apreendida após uma denúncia anônima enviada ao WhatsApp da Delegacia Especializada de Investigações Criminais.

“Mais uma vez a população acreditou em nosso trabalho. Recebemos ontem enquanto estávamos de plantão na Expoacre uma informação pelo WhatsApp que um carregamento de maconha iria chegar. Montamos uma equipe e fomos até a BR-364 no posto de fiscalização da PRF. Encontramos com a Milena em suas bagagens, 28 barras de maconha”, afirma o delegado.

A polícia acredita que Milena possivelmente adquiriu a droga em Cuiabá-MT, se deslocou até Porto Velho e em seguida para Rio Branco-AC, onde faria a entrega e iria receber por isso. “As investigações vão continuar e nosso objetivo agora é descobrir que iria receber essa droga”, disse Pedro Resende.

A estimativa é que a apreensão do entorpecente represente um prejuízo estimado de R$ 50 mil e que a jovem, que é a “mula”, nome usada pela polícia para identificar quem é responsável apenas por entregar a droga, iria receber cerca de R$ 2.5 mil.

Milena está presa na Delegacia Especializada de Investigações Criminais à disposição da justiça, onde responderá pelo crime de tráfico de drogas.

De acordo com o delegado Pedro Resende, a polícia abriu investigação para apurar quem seria o destinatário final do entorpecente. Resende enfatizou ainda que qualquer informação pode ser repassada por meio do Whatsapp da DENARC no número (68) 99922-1111, e o sigilo é garantido.

ÚLTIMAS