Connect with us

política

Prefeita agradece trabalhadores da Operação Verão que participaram de mutirão de limpeza na Cidade do Povo

Publicado

em

A prefeita Socorro Neri começou a agenda de trabalho desta terça-feira, 11, logo cedinho na Cidade do Povo para agradecer os trabalhadores da Operação Verão que fizeram uma das maiores ações de limpeza de ruas, praças, recuperação de caixas de drenagem e iluminação pública já realizadas no bairro.

De acordo com a Secretaria Municipal de Zeladoria da Cidade (SMZC), os serviços contaram com a participação de 125 garis que limparam todas as ruas, fizeram serviços de capina, roçagem, raspagem, recuperação de 146 caixas de drenagem, desobstrução de bueiros, manutenção em 400 pontos de iluminação pública, além de 200 atendimentos voltados para ações ambientais nos três setores da Cidade do Povo. Ao todo, mais de mil caçambas com entulhos foram retiradas do local.

Antes de dar início à um café da manhã reforçado, como reconhecimento pelo excelente trabalho das equipes, a prefeita falou sobre a importância e o comprometimento de cada trabalhador na execução das ações e o quanto fica satisfeita com esse empenho que beneficia toda a cidade. “Os trabalhadores da Zeladoria, da iluminação pública, são pessoas muito dedicadas, guerreiras. Não é uma tarefa fácil, Rio Branco tem mais de 220 bairros, infelizmente, por conta da crise financeira, não temos a quantidade ideal de equipes nas ruas, mas apesar disso, o resultado já é visível em muitos pontos. O que nós queremos na gestão é garantir qualidade de vida para as pessoas, e isso certamente passa pela eficiência na limpeza da cidade”.

Ainda de acordo com a prefeita, agora cabe também à população ajudar a Prefeitura na manutenção desse trabalho. “A comunidade precisa nos ajudar, manter esse serviço, manter a limpeza, porque infelizmente a Prefeitura não terá condições voltar a esses locais num curto espaço de tempo”.

Kellyton Carvalho, secretário de Zeladoria, disse que este ano a Prefeitura adotou um trabalho mais criterioso nas ações da Operação Verão. “A prefeita Socorro Neri pediu prioridade na Cidade do Povo, para que nós pudéssemos ter um refinamento, um preciosismo nessa região cada vez mais importante e que concentra um número significativo pessoas. Então fizemos esse trabalho com muito carinho, muita intensidade e conseguimos contemplar todos os equipamentos públicos que aqui estão”.

A presidente do setor 2 do bairro, Jorgete Mesquista, disse que é moradora da Cidade do Povo há 5 anos e em todo esse tempo jamais tinha visto um atenção tão intensa e tão detalhista na região. Além de agradecer o empenho da Prefeitura, ela entregou para Socorro Neri um certificado de prefeita amiga do bairro. “É um trabalho que todos nós estamos admirados pela eficiência. É isso o que nós precisamos, de gestores compromissados, responsáveis e honestos. É exatamente esse o sentimento que temos pela professora, hoje prefeita, Socorro Neri. É de gestores assim que todo o Acre precisa”, pontuou.

“Aqui o trabalho foi de excelência e tem o nosso reconhecimento. Eu só posso agradecer as equipes e a prefeita pelo carinho e compromisso com a nossa comunidade”, destacou Elineide Barbosa, presidente do setor 1.

Presidente do setor 3, Ana Lúcia Costa, também disse reconhecer os esforços da Prefeitura, especialmente com a Operação Verão, para garantir que a capital do Acre seja cada vez mais uma cidade acolhedora, bonita e que trate bem os que aqui vivem. “Foi um trabalho satisfatório, todos aqui reconhecem isso. Foi a primeira que uma ação desse tamanho chegou na Cidade do Povo. Então, hoje o sentimento é de gratidão e respeito. Cada vez que a gente conhece mais a prefeita Socorro Neri, mais admiração nós temos por sua retidão na administração da nossa cidade. Os problemas existem, sim, mas o que está ao alcance dela e da sua equipe em momento algum deixa de ter atenção, ainda mais nesses tempos em que muitas prefeituras enfrentam sérios problemas fiscais por conta da crise no país”.

Continue lendo

política

Gladson Cameli vai convocar cadastro reserva de concurso da PM

Publicado

em

Por Juruá em tempo

O governador Gladson Cameli anunciou neste sábado, 15, durante solenidade do aniversário de 57 anos de emancipação política do Acre, que irá convocar os aprovados no cadastro reserva do último concurso da Polícia Militar.

Segundo Cameli, os aprovados serão convocados assim que encerrar o curso de formação militar dos candidatos já nomeados.

Vamos convocar todos imediatamente, assim que acabar o curso de formação que já iniciou”, afirmou.

No momento, 230 alunos estão em formação. O número de aprovados no cadastro reserva é de aproximadamente 460 candidatos. Caso haja nova convocação, a Polícia Militar do Acre receberá um reforço de pelo menos 600 novos militares até junho de 2020.

Continue lendo

política

Governador do Rio de Janeiro sugere explodir com míssil traficantes armados

Publicado

em

Estadão Conteúdo- O governador do Estado do Rio de Janeiro, Wilson Witzel, provocou polêmica ao sugerir que traficantes armados que atuam em comunidades cariocas poderiam ser explodidos com um míssil. As declarações de Witzel foram feitas durante um discurso nesta sexta-feira, 14, na Câmara Municipal de Nova Iguaçu, na Baixada Fluminense, em referência às imagens de criminosos armados na Cidade de Deus, na zona oeste do Rio.

A nossa Polícia Militar não quer matar, mas não podemos permitir cenas como aquela que nós vimos na Cidade de Deus. Se fosse com autorização da ONU, em outros lugares do mundo, nós teríamos autorização para mandar um míssil naquele local e explodir aquelas pessoas”, discursou Witzel.

A deputada estadual Renata Souza (PSOL/RJ), presidente da Comissão de Direitos Humanos da Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro (Alerj), divulgou nota de repúdio sobre as declarações do governador.

“Segurança pública se faz com estratégia, prevenção e inteligência, não com mísseis e execuções sumárias. A declaração do governador revela uma mentalidade autoritária e violenta que expressa, no fundo, o seu preconceito e total desprezo com a vida dos pobres que moram nas favelas do Rio de Janeiro. Além disso, é claro, uma tentativa de deslegitimar e menosprezar uma importante instituição internacional como a ONU”, escreveu Renata Souza, em nota.

Continue lendo

política

Confio em Moro, mas confiança 100% é só em pai e mãe, afirma Bolsonaro

Publicado

em

Por Estadão Conteúdo- Um dia após novos vazamentos de conversas do ministro da Justiça, Sergio Moro, reveladas pelo The Intercept Brasil, o presidente da República, Jair Bolsonaro, disse que o ex-juiz foi responsável por “por buscar uma inflexão na questão da corrupção”.

“O Moro foi responsável, não por botar um ponto final, mas por buscar uma inflexão na questão da corrupção e mais importante: livrou o Brasil de mergulhar em uma situação semelhante à da Venezuela”, afirmou o presidente na sexta-feira, 15.

Questionado se confia no ministro, ele disse que sim, mas que confiar 100%, “só em pai e mãe”. “Eu não sei das particularidades da vida do Moro. Eu não frequento a casa dele. Ele não frequenta a minha casa por questão até de local onde moram nossas famílias. Mas mesmo assim, meu pai dizia para mim: confie 100% só em mim e na mãe”, disse.

Bolsonaro afirmou ainda que muita gente se surpreendeu com a demissão do general Santos Cruz de seu governo nesta semana. “Isso pode acontecer. Muitas vezes, você se surpreende com a separação de um casal: ‘Mas viviam tão bem!’. Mas a gente nunca sabe qual a razão daquilo. E é bom não saber. Que cada um seja feliz da sua maneira”, afirmou.

 

Continue lendo

Veja também

Mais lidas

Portal de notícias do Acre | Diretor e Redator - Lenilda Cavalcante FENAJ 084 | Copyright © 2006-2018 ECOS DA NOTÍCIA - Todos os direitos reservados.