Connect with us

cidades

Balsa de Xapuri está furada e sem conserto pelo governo, cobram deputados

Publicado

em

Há mais de 10 dias a balsa que faz a ligação entre o centro de Xapuri com as comunidades da Sibéria e da Resex Chico Mendes está parada. Nesta terça-feira, 14, deputados estaduais denunciaram o descaso governo do Estado, que até o momento não providenciou nenhuma alternativa emergencial para ajudar a população.

O primeiro a trazer o assunto, foi o deputado Antônio Pedro (DEM), aliado do governo. Ele apontou o problema e, ao mesmo tempo, fez uma defesa do Estado, explicando que os gestores da área estavam aguardando a burocracia e que não tinha como abrir processo licitatório no momento.

Tentando resolver o problema, os vereadores de Xapuri fizeram o aluguel de uma balsa de madeira para realizar a travessia emergencial no local. “O estado não foi lá alugar uma balsa. A Câmara municipal precisou alugar, enquanto não se resolve o problema. Já passou o tempo de só reclamar. Espero que o governo comece a dar resposta”, afirmou o deputado Roberto Duarte (MDB).

Edvaldo Magalhães (PCdoB) também falou sobre o absurdo que é o Estado não tomar uma providência emergencial sobre a balsa. “O governo não está conseguindo mandar calafetar a balsa de Xapuri. Esse negócio de conseguir licitação é conversa. O diário oficial, todo santo dia tem dispensa de licitação”, afirmou.

O parlamentar explicou ainda que o próprio governo está dificultando sua situação ao enviar o decreto que obriga o Estado a ter cotação de preço de empresas fora do Acre. Isso só está trazendo mais burocracia para ações imediatas como esta, segundo Edvaldo.

Continue lendo

cidades

Formação especializada sobre autismo reúne mais de 500 pessoas no Teatro Nauas, em Cruzeiro do Sul

Publicado

em

Por Notícias do acre

Com intuito de desmistificar o autismo e trabalhar a temática no ambiente escolar, o Governo do Estado do Acre, por meio da Secretaria da Justiça e Segurança Pública (Sejusp), em parceria com a Secretaria de Estado de Educação, Cultura e Esportes (SEE), promoveu nos dias 20 e 21 de maio, uma formação especializada sobre o autismo. O evento aconteceu no Teatro Nauas, em Cruzeiro do Sul.

Aberta à comunidade escolar, a formação contou com mais de 500 participantes e envolveu profissionais das redes estadual e municipal de ensino do Juruá. Professores que atuam no atendimento educacional especializado, mediadores, coordenadores e gestores, além de cuidadores e assistentes educacionais se fizeram presentes para juntos aprender um pouco mais sobre o assunto.

O chefe do Departamento de Justiça e Direitos Humanos da Sejusp, Sângelo Rossano, ressaltou que a temática do autismo é muito vasta e rica, na qual todo cidadão necessita aprender diariamente. “Trazer esse conhecimento para o cidadão cruzeirense vai ajudar não só os professores que estão participando desse evento, mas também a comunidade pública em geral”, disse.

Shirley Lessa, chefe da Divisão da Educação Especial do Estado, destacou que Governo do Estado do Acre não tem medido esforços para garantir uma inclusão de qualidade. “A formação especializada sobre o autismo foi muito importante para a prática pedagógica dos professores de Cruzeiro do Sul, para os mediadores, assistentes educacionais e todo o público que atende as crianças com deficiência”, afirmou.

Lessa ressaltou, ainda, que a inclusão é de responsabilidade de todos para que juntos possam buscar alternativas que beneficiem os alunos. É necessário utilizar “currículos e metodologias flexíveis, levando em conta a singularidade de cada aluno, respeitando seus interesses, suas ideias e desafios para novas situações, oportunizando a criatividade, a cooperação e a participação de todos, sem discriminação”, concluiu.

Continue lendo

cidades

Governo inicia preparativos estruturais para a Expoacre 2019

Publicado

em

Por Notícias do acre

Em continuidade aos preparativos para a Feira Agropecuária do Acre (Expoacre 2019), o Governo do Estado do Acre, por meio da Secretaria de Estado de Empreendedorismo e Turismo (Seet), em parceria com o Instituto de Administração Penitenciária (Iapen) e a Secretaria de Estado de Meio Ambiente (Sema), iniciou na manhã desta terça-feira, 21, a roçagem do Parque de Exposições Wildy Viana.

O serviço, realizado pelos reeducandos do Sistema Penitenciário, marca o início dos preparativos estruturais da feira que, anualmente, incentiva o empreendedorismo e movimenta o comércio agropecuário local. A Expoacre 2019 irá ocorrer de 27 de julho a 4 de agosto.

De acordo com a secretária de Estado de Empreendedorismo e Turismo, Eliane Sinhasique, esse primeiro serviço de roçagem “é de fundamental importância para que os técnicos da Secretaria de Estado de Infraestrutura (Seinfra), arquitetos e engenheiros possam visualizar melhor como vão fazer a distribuição dos diversos setores que nós precisamos colocar dentro do Parque de Exposições”, disse.

A parceria entre Seet, Iapen e Sema possibilitará a roçagem do Parque de Exposições (Foto: Elenilson Oliveira)

A secretária ressaltou que a parceria entre as instituições possibilita a realização dessa análise para a continuidade do trabalho de mapeamento e distribuição dos espaços na feira.

“Esse é um projeto inicial. A Sema entra com a parte estrutural, fornecendo a roçadeira, o combustível e o transporte”, disse o secretário de Estado de Meio Ambiente, Israel Milani. Ele ressaltou que, com a parceria, a Sema também pretende oferecer cursos e atividades de capacitação na área ambiental para os apenados.

O presidente do Iapen, Lucas Gomes, destacou que as atividades desempenhadas pelos detentos nos espaços públicos fortalecem a ideia do trabalho ressocializador do Estado, além de colaborar com a economia do poder executivo. “Com a utilização da mão de obra dos reeducandos, nós damos a eles uma oportunidade de remição da pena e, ainda, a oportunidade de colaborar com os avanços do nosso Acre”, ressaltou.

Continue lendo

cidades

O contraste na cidade que promete ser modelo na coleta de lixo no Acre

Publicado

em

Por ac24horas

Uma parceria entre a Organização Não Governamental CBCN e a prefeitura de Cruzeiro do Sul que vem sendo desenvolvida desde março do ano passado, promete revolucionar a coleta de resíduos sólidos na segunda maior cidade do Acre.

Na verdade, Cruzeiro do Sul é a primeira cidade escolhida no Brasil para desenvolver o projeto inovador, que promete transformar lixo em energia, trabalhando a reciclagem e gerando renda para quem trabalha na área.

Mas, pelo visto, o projeto ainda tá longe de se tornar referência. Em abril, a prefeitura de Cruzeiro do Sul anunciou a instalação de novas lixeiras com tampas por meio da parceria com a ONG.

O investimento teria sido de R$ 120 mil. Mas no final da tarde desse sábado, 18, na Avenida Copacabana, umas das principais de Cruzeiro do Sul, os urubus e os cachorros ” faziam a festa” nesta lixeira, que não aparenta ser das novas anunciada pela prefeitura.

A gestão dos resíduos sólidos e a utilização do micro revestimento Asfáltico, foram apresentadas há duas semanas pelo prefeito Ilderlei Cordeiro como os grandes diferenciais de sua gestão, que podem servir de exemplos para as outras cidades acreanas. Os prefeitos de 16 das 22 cidades acreanas que participaram de um encontro não foram levados à esse ponto de Cruzeiro do Sul.

Continue lendo

Veja também

Mais lidas

Portal de notícias do Acre | Diretor e Redator - Lenilda Cavalcante FENAJ 084 | Copyright © 2006-2018 ECOS DA NOTÍCIA - Todos os direitos reservados.