Fernando Fernandes da Silva, de 56 anos, foi vítima de um acidente de trabalho na manhã deste sábado (16), em Cruzeiro do Sul, interior do Acre. O mecânico, que trabalhava em uma oficina na Variante, teve a cabeça esmagada por uma empilhadeira ao tentar colocar a máquina na carroceria de um caminhão.

Silva era sócio da oficina onde trabalhava com o irmão e outros funcionários. Segundo testemunhas, ele ainda chegou a colocar a máquina na carroceria do carro e quando foi tentar movimentar para se aproximar da cabine, ele teria acionado a marcha ré da empilhadeira, em vez de encaixar a primeira marcha do equipamento.

Os colegas de trabalho da vítima que estavam no local disseram que foi acidente de trabalho. “Ele embarcou a empilhadeira no caminhão, tudo normal. Ficou faltando só pouca coisa para encostar no batedor da rampa e ele, sem querer, meteu uma ré de uma vez e a empilhadeira foi para trás”, disse Ademir Filho, funcionário da oficina.

A máquina caiu em cima da cabeça de Silva que teve morte instantânea. Todos os funcionários da oficina que estavam de serviço presenciaram o acidente e ficaram abalados com a morte do mecânico, que, segundo os funcionários, era experiente na operação desse tipo de máquina.

“Foi uma aflição muito grande, pois era um colega de trabalho. Nosso patrão. É lamentável para todos nós”, disse Ademir que trabalhava com a vítima há 18 anos.

O corpo de Silva foi levado para o IML e a família aguarda a liberação para providenciar o sepultamento. Uma equipe da Polícia Civil foi ao local para realizar a perícia. A PM também compareceu para fazer o registro da ocorrência.