Connect with us

polícia

Polícia Civil prende acusado de triplo homicídio do Taquari

Publicado

em

Os policiais da coordenadoria de recursos especiais da Polícia Civil no Acre (Core), prenderam nesta quarta-feira, 13, Luiz Gonzaga Figueiredo Vieira, 40 anos, acusado do triplo homicídio do bairro Taquari. O homem, que estava foragido da justiça desde dezembro de 2018, responde ainda pelos crimes de roubo, tortura e organização criminosa.

De acordo com o delegado Roberth Alencar, Vieira estava em uma residência localizada no bairro Tancredo Neves quando foi encontrado. “Esse é o último envolvido nesses homicídios que ainda se encontrava solto. Mas após monitoramento feito pela equipe da Core, conseguimos identificar onde ele estaria morando e o prendemos nesta manhã”, destaca o delegado.

Conforme as investigações da Polícia Civil, Gonzaga era comerciante no bairro Taquari e colaborava como informante e prestava apoio aos membros da organização criminosa, para que estes continuassem praticando os crimes na cidade de Rio Branco.

Todos os envolvidos no triplo homicídio são acusados de atuar no bairro Taquari como uma espécie de juízes e chegavam a punir moradores que fossem contra as regras estabelecidas pela facção.

Entenda o caso

Vitor de Lima, de 18 anos, e Isabele Silva Lima, de 13, e Amanda Gomes de Souza, de 14, desapareceram no dia 5 de agosto de 2018, quando saíram da Feira Agropecuária – Expoacre. Alguns dias depois os corpos dos adolescentes foram encontrados no bairro taquari, onde os três moravam.

Na época, as investigações apontaram para um crime passional, pois um dos acusados, Francimar, teria se envolvido com uma das adolescentes e ela não queria manter um relacionamento com o autor. Com ciúmes, ele seguiu os passos da menor naquele dia e quando os três voltavam da expoacre foram assassinados pelo autor e os comparsas.

Continue lendo

polícia

Jovem é preso com pacotes de maconha e cocaína em táxi em Sena Madureira

Publicado

em

Por Alto Acre

Foi encontrado na bolsa que dele quatro tabletes de maconha e três pacotes de cocaína.

A Polícia Militar, por meio do 8° BPM, CPO II apreendeu uma considerável quantidade de entorpecente nas proximidades do Cristo Libertador, em Sena Madureira.

Na ocasião, os militares em patrulhamento de rotina abordaram Jorge Luiz Bismark dos Santos, 23 anos, que vinha no táxi em atitude que  suspeita.

Foi encontrado na bolsa que dele quatro tabletes de maconha e três pacotes de cocaína, pesando, ao todo, 1,778 kg.

Por isso, o autor e o ilícito foram entreguem à delegacia de Polícia Civil de Sena Madureira para os procedimentos cabíveis.

Continue lendo

polícia

Jovem sai para caçar com amigos e é achado morto quatro dias depois em rio no interior do AC

Publicado

em

Por G1 Acre

Suspeita é que ele tenha morrido com tiro acidental de armadilha que montou. Corpo foi achado flutuando em rio.

Jardesson da Silva Maia saiu de casa no último sábado (11) para caçar com amigos em uma comunidade do município de Rodrigues Alves, no interior do estado.

No último domingo (12), Maia deixou um acampamento onde estava com o grupo para resgatar uma espingarda que tinha instalado como armadilha para animais na floresta e não retornou.

No dia seguinte ao desaparecimento do jovem, os amigos ainda encontraram a arma, a roupa dele e alguns utensílios, mas não conseguiram localizá-lo.

A família acionou o Corpo Bombeiros, que se prepara para ir ao local com apoio de homens da PM, por se tratar de uma região no limite da fronteira, onde há a ação de traficantes brasileiros e peruanos.

Orientados pelo Corpo de Bombeiros, familiares voltaram à comunidade para fazer buscas superficiais no igarapé Branco, afluente do rio Paraná do Mouras, onde ele teria desaparecido e nesta quinta-feira (16) e conseguiram encontrar o corpo flutuando.

De acordo com o comando do Corpo de Bombeiros, a suspeita é que Maia tenha sido vítima de um disparo acidental da sua própria espingarda. Com a enchente do igarapé, o dispositivo que acionava a armadilha foi coberto pela água e ele teria mergulhado para tentar desativar.

Continue lendo

polícia

Caçamba carregada de madeira atropela e mata mulher de 19 anos na BR 364

Publicado

em

Kennedy Leandro, da Redação Ecos da Notícia

A BR 364 foi palco de três mortes por acidente de trânsito somente na noite desta sexta-feira (19), em dois acidentes.

Na altura do km 01 da BR 364, a jovem Larissa da Silva Trindade, de 19 anos foi atropelada e morta por uma caçamba que transportava pranchas de madeira, na rotatória do Posto Correntão.

De acordo com informações, a jovem trafegava em uma bicicleta, e na rotatória entre a BR 364 e a Rodovia AC 40, a caçamba bateu na ciclista e passou por cima.

Gravemente ferida, a vítima foi socorrida por uma equipe de suporte avançado do Serviço de Atendimento Móvel – SAMU, mas a caminho do Pronto Socorro, não resistiu a gravidade dos ferimentos e morreu dentro da ambulância. O corpo da jovem foi levado para a sede do Instituto Médico Legal – IML.

Motorista tenta fugir, mas é preso pela polícia

De acordo com informações, o motorista da caçamba identificado pelo nome de Gilson da Silva Barbosa não teria parado a caçamba após o acidente e tentou se evadir, sendo perseguido pela Polícia de trânsito e interceptado na Via Verde, em frente a Unidade de Pronto Atendimento – UPA do 2° Distrito.

De acordo com a polícia, o motorista estaria com a carteira Nacional de Habilitação – CNH vencida desde o ano de 2015.

O motorista foi preso e encaminhado a Delegacia de Flagrantes – DEFLA.

 

Continue lendo

Veja também

Mais lidas

Portal de notícias do Acre | Diretor e Redator - Lenilda Cavalcante FENAJ 084 | Copyright © 2006-2018 ECOS DA NOTÍCIA - Todos os direitos reservados.