Connect with us

política

Servidores públicos do Acre voltam a trabalhar 8h diárias

Publicado

em

Governador Gladson Cameli decretou que horário de expediente deve ser de 40h semanais, das 8h às 12h e das 14h às 18h, de segunda-feira à sexta-feira.

Os servidores estaduais do Acre voltaram a trabalhar oito horas diariamente, das 8h às 12h e das 14h às 18h de segunda a sexta-feira. É o que determina o decreto de nº 027, assinado pelo governador Gladson Cameli.

Conforme o documento, os órgãos e entidades da administração direta e indireta do Poder Executivo devem funcionar em expediente mínimo de 40 horas semanais. O decreto foi publicado na edição de sexta-feira (4) do Diário Oficial do Estado (DOE).

A determinação não interfere na carga horária dos servidores públicos que têm vínculos com jornadas de trabalho menores que 40 horas semanais. De acordo com a publicação, a administração deve adotar medidas, em cada setor, para que os servidores cumpram o expediente conforme carga horária especificada em cada contrato.

No caso dos serviços públicos essenciais, o decreto determina que devem ser garantidos de forma integral pelos órgãos e entidades públicas estaduais por meio de escalas de serviço ou plantão.

 

Continue lendo

política

Ministro do Meio Ambiente cumpre agenda no Acre

Publicado

em

Da Agência de Notícias Acre

O ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles, desembarca em Rio Branco às 8h30 desta quinta-feira, 27. No período da manhã, o ministro, acompanhado do governador Gladson Cameli e demais gestores estaduais, irá visitar o Canal da Maternidade e os principais pontos de alagamento na capital.

A definição dos pontos a serem vistos pelo ministro foi debatida durante encontro entre os representantes do governo do Estado, por meio da Secretaria de Meio Ambiente, e do gabinete do senador Márcio Bittar, responsável pela articulação da vinda do ministro ao Acre.

A presença do ministro tem relação direta com a necessidade urgente da realização de estudos sobre os fenômenos no Rio Acre. Uma das análises que serão feitas envolve a possibilidade de desvios do leito do rio para evitar alagações no centro da cidade.

“A vinda do ministro enriquece a programação do Mês do Meio Ambiente.  Aqui ele vai poder conhecer mais de perto a realidade do nosso estado e a partir daí tomar decisões importantes para o desenvolvimento do Acre”, destacou o secretário de Estado de Meio Ambiente, Israel Milani.

Em seguida, a comitiva irá para Cruzeiro do Sul. No Juruá, a primeira agenda será a visita ao trecho da BR-364 no trajeto que deverá ligar os municípios de Cruzeiro do Sul e Mâncio Lima à cidade peruana de Pucallpa. Serão iniciados os debates em torno da possibilidade de ligação terrestre entre as regiões, um trajeto de aproximadamente 200 quilômetros. À tarde, o ministro irá se reunir na Aldeia Poyanawa com oito prefeitos do Consórcio do Vale do Juruá, Tarauacá e Envira.

Antes de retornar a Rio Branco, Salles e as demais autoridades participam do lançamento do programa “Qualidade do Ar em Áreas Urbanas”, quando serão entregues os medidores de fumaça. A ação é de responsabilidade do Ministério Público do Acre.

Já na sexta-feira, 28, a comitiva irá visitar a comunidade extrativista no Seringal Porangaba na Reserva Chico Mendes. De volta a Rio Branco, Salles irá receber a imprensa para uma coletiva às 13h40 no aeroporto da capital.

Continue lendo

política

MARA ROCHA:. Ataques a minha pessoa

Publicado

em

Da Assessoria de Imprensa

Nos últimos dias tenho sido vítima de uma série de mentiras, orquestradas para destruir a minha imagem. As mentiras disseminadas tem autoria que já é do meu conhecimento. É claro e notório, que tenho incomodado interesses políticos de muitos. Uma pesquisa em que apareço bem colocada para a prefeitura de Rio Branco, e a discussão de uma possível candidatura minha ao senado, despertaram a fúria de muitos.
Não compreendi o destempero do Govenador Gladson Cameli, que me atacou, de forma desrespeitosa, durante todo o final de semana, junto com o seu grupo, pelas redes sociais e jornais na tentativa clara de colocar a população contra minha pessoa, e isso, dias após uma conversa em que ele me garantiu a demissão do Secretário da SEPA.

INDICADO DE GLADSON CAMELI PARTE PARA O ATAQUE USANDO A MENTIRA COMO ARMA
Como se não bastassem os ataques nas redes sociais, utilizando fake News, surge hoje mais uma tentativa de manchar a minha imagem.
Uma manifestação política, me atacando, promovida pelo atual superintendente do MAPA e autoproclamado candidato a prefeito de Rio Branco, pelo PP, partido do governador Gladson Cameli, o ex-comunista Luziel Carvalho, que ocupa o cargo atual por indicação política de Gladson.
Paralelamente a tal manifestação, um representante da mídia, publicou mentiras sujas a meu respeito, de que eu estaria trocando o Superintendente do Ministério da Agricultura no Acre por meu irmão, Pang Rocha. A fonte que se prestou a disseminar tamanha infâmia chega ao cúmulo de dizer que um ofício com essa solicitação já estaria na Presidência da República.
Não, não indiquei meu irmão. Nada contra quem o faz, existem vários nesse governo que indicaram fartamente seus parentes mais queridos, mas eu, Mara Rocha, não indiquei meu irmão para a Superintendência do MAPA e desafio, qualquer um, a provar o contrário.


A POPULAÇÃO DO MEU ESTADO ME CONHECE E SABE DA MINHA CONDUTA.
Sou uma pessoa pública desde os meus 17 anos, quando comecei a minha carreira no jornalismo e construí minha vida, passo a passo alicerçada na retidão. A população do meu estado me conhece e sabe da minha conduta. O Acre é pequeno e todos conhecem minha trajetória. Não é um qualquer que vai denegrir a minha história. Não sou eu, Mara Rocha, conhecida por mentir e enganar, por não honrar o que fala e não cumprir as promessas que faz. Acredito que política é para pessoas sérias e comprometidas. Vou continuar o meu trabalho pelo desenvolvimento do Estado independente de qualquer governo e sem medo de ataques.

Continue lendo

política

Governo do Acre, Amazonas e Rondônia se unem pelo desenvolvimento do agronegócio

Publicado

em

Da Agência de Notícias Acre

Em encontro realizado em Manaus (AM) na última segunda-feira, 24, o governo do Estado do Acre por meio dos secretários de Estado ligados à produção rural do Acre, Amazonas e Rondônia debateram sobre a integração para o desenvolvimento do agronegócio, focados principalmente em avanços na regularização fundiária e no desenvolvimento de uma regional para a expansão do setor.

Participaram da reunião o secretário de Produção e Agronegócio do Acre, Paulo Wadt, o secretário de Produção Rural do Amazonas, Petrucio Magalhães Júnior, o secretário de Agricultura de Rondônia, Evandro Padovani, e o superintendente do Incra no Amazonas, João Batista Jornada. O vice-governador do Amazonas, Carlos Almeida Filho, e o presidente da Federação da Agricultura do Amazonas, Muni Paes, também acompanharam o encontro.

Juntos, eles iniciaram os trabalhos para a criação de um protocolo de intenções que será encaminhado aos governadores de cada estado e à ministra de Agricultura, Tereza Cristina, solicitando a integração dos estados da região Norte com políticas públicas de desenvolvimento para o agronegócio.

Segundo o secretário do Acre, Paulo Wadt, estas “são medidas para a implantação da zona de desenvolvimento agropecuário entre os três estados. É uma proposta de fortalecimento desse setor com a união dos estados do Norte seguindo os mesmos interesses”.

Para o secretário do Amazonas, a reunião foi totalmente positiva e a integração, se aprovada, trará desenvolvimento para todos os estados envolvidos.

“Estamos unindo forças e criando um grupo que intitulamos de Amacro [Amazonas, Acre e Rondônia], para tratarmos dos principais assuntos do nosso estado em parceria com os estados vizinhos. Esperamos que tudo ocorra bem e que possamos fazer o melhor para toda a região Norte”, afirmou Petrucio.

A ação coletiva entre os três estados e o governo federal pretende trabalhar o fortalecimento político, juntamente com as bancadas federais. Dentre as principais demandas está manter o homem no campo produzindo com qualidade e retorno.

 

Continue lendo

Veja também

Mais lidas

Portal de notícias do Acre | Diretor e Redator - Lenilda Cavalcante FENAJ 084 | Copyright © 2006-2018 ECOS DA NOTÍCIA - Todos os direitos reservados.