Rio Branco,

aaa

VINGANÇA: Suspeita de homicídio tem casa incendiada e morre carbonizado em Rio Branco

- Publicidade-

Jordan Israel da Silva, de 31 anos, foi achado carbonizado dentro de casa, na madrugada deste sábado (3), no Ramal da Usina, região do bairro Belo Jardim III, em Rio Branco.

Por G1 Acre –

Segundo o delegado Rêmulo Diniz, responsável pela Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), disse que Silva é suspeito de ter matado o jovem Lucas Albuquerque, de 20 anos, horas antes de ser queimado na residência.

Albuquerque morreu na noite de sexta-feira (2) após ser atingido por uma garrafa de cerveja na região do pescoço. Segundo a Polícia Militar do Acre (PM-AC), ele e Silva estavam bebendo em um bar desde a tarde e tiveram uma discussão. Após ser atingido, Albuquerque ainda correu, mas morreu na porta de casa.

“Esse homicídio foi em consequência de outro ocorrido na sexta na mesma rua. Essa vítima de hoje [sábado] era suspeita de ser o autor da morte de ontem [sexta]. O incêndio ocorreu na madrugada, fomos no local, mas os bombeiros não permitiram que nós olhássemos, porque estavam fazendo o rescaldo. Aí, agora no sábado, encontraram os restos mortais”, disse o delegado.

O major Cláudio Falcão, do Corpo de Bombeiros, informou que a equipe foi acionada por volta de meia-noite deste sábado (3) e que no local foi informada por populares, inclusive pela dona da casa, que não havia ninguém dentro da residência.

“A proprietária da casa estava no local e informou que não tinha ninguém lá dentro. O Corpo de Bombeiros fez a extinção do fogo e rescaldo e não foi encontrado pelos bombeiros esse corpo. Agora pela manhã de sábado foi que populares encontraram”, afirmou o major.

- Publicidade-

ÚLTIMAS NOTÍCIAS