28 setembro 2021 4:35 am
23 C
Rio Branco
28 setembro 2021 4:35 am

FUGA DO PRESÍDIO Detento pode ter usado gorro para fugir pelo portão da frente de Presídio em Rio Branco

Pela porta da frente

Da Redação Ecos da Notícia
- Publicidade-

A suspeita é que além da uniforme de Agente Penitenciário, o detento tenha usado também balaclava (gorro) de uso policial

A fuga do detento Cléber da Silva Bezerra, de 38 anos ocorrida durante a saída das visitas na tarde deste domingo (18), do Presídio Francisco D´Oliveira Conde revela a vulnerabilidade na fiscalização de quem entrar e sai do Presídio, pois a suspeita é que o detento tenha usado uniforme de Agente Penitenciário e ainda uma balaclava (gorro) que cobre totalmente o rosto equipamento policial comumente usados em operações para o não reconhecimento dos agentes de segurança, mas que possivelmente tem há sido usado pelo detento para ter acesso ao portão da frente do Presídio.

De acordo com informações de Aberson Carvalho, diretor presidente do Instituto de Administração Penitenciária do Acre – IAPEN, já foi aberta uma sindicância para apurar como ocorreu a fuga do detento e detalhes da fuga podem ser divulgadas através de nota oficial nas próximas horas.

O que já foi apurado segundo Lucas Bolzoni, presidente do Sindicato dos Agentes Penitenciários – SINDAPEN é que os agentes teriam sentido a falta do detento no momento da contagem, após o horário de visita.

A fuga usando fardamento e gorro ainda é uma hipótese que será confirmada após a revisão das imagens das câmeras de segurança, mas essa pode ser a possibilidade que de qualquer maneira revela a vulnerabilidade na segurança da unidade prisional.

- Publicidade-
spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

ÚLTIMAS NOTÍCIAS