Rio Branco,

aaa

Delegado que matou colega de profissão é condenado a 14 anos de prisão

- Publicidade-

Marcos Dione– Terminou na madrugada de hoje (19) o julgamento do delegado de Polícia Civil Loubivar de Castro Araújo, que em outubro de 2016 matou a tiros o colega de trabalho e também delegado José Pereira da Silva Filho.

O crime foi praticado nas dependências do prédio da Corregedoria da Polícia Civil, em Porto Velho. No julgamento, Loubivar chorou, se ajoelhou, acusou outros delegados de mentirem e jurou que matou para não morrer.

Mesmo assim, os jurados não acreditaram em sua versão. Considerado culpado, o delegado acabou condenado a 14 anos de prisão em regime inicialmente fechado. Segundo a Justiça, ele ainda pode recorrer, mas preso.

- Publicidade-

ÚLTIMAS NOTÍCIAS