Connect with us

esporte

Nadal admite ‘pneu’, mas exalta vitória de 4h48min sobre Thiem

Publicado

em

Na semifinal, ele enfrentará o argentino Juan Martín del Potro

Oespanhol Rafael Nadal passou por seu teste mais difícil até agora no US Open, na madrugada desta quarta-feira (5), em Nova York. O número 1 do mundo levou um “pneu” logo no primeiro set da partida contra o austríaco Dominic Thiem e precisou de 4h48min para fechar o jogo em cinco sets, com parciais de 0/6, 6/4, 7/5, 6/7 (4/7) e 7/6 (7/5). Na semifinal, ele enfrentará o argentino Juan Martín del Potro.

Nadal admitiu a surpresa com o placar do set inicial, quando Thiem dominou com facilidade,O espanhol só equilibrou a partida a partir da metade do segundo set.
© USA Today Sports/Reuters

Um dos melhores jogos da competição, o duelo contou com jogadas espetaculares de ambos os tenistas, que haviam disputado a final de Roland Garros. “Dominic é um companheiro exemplar no circuito e me sinto mal por ele”, admitiu Nadal, logo após impor dura derrota ao número nove do mundo. “Quando se chega a uma situação como essa, no quinto set, com 5/5 no tie-break, é um moeda jogada ao ar”, declarou o espanhol.

Nadal admitiu a surpresa com o placar do set inicial, quando Thiem dominou com facilidade, disparando bolas vencedoras de todos os cantos da quadra – foram 74 em toda a partida, contra 55 do espanhol. “Um 6/0 é um resultado muito perigoso. No primeiro set, eu ganhei apenas sete pontos, não houve um jogo.”

O espanhol só equilibrou a partida a partir da metade do segundo set. Ele fechou esta parcial e ainda contou com erros do rival para fechar a terceira parcial por 7/5, quando o duelo se encaminhava para o tie-break. “Ele tem uma atitude muito boa na quadra, nos treinos e nas partidas. Gosto muito de pessoas que se esforçam para alcançarem seus objetivos e Dominic é assim”, elogiou Nadal.

Apesar da derrota, o austríaco obteve uma quebra a mais que o líder do ranking na partida: 6 a 5. Também somou mais pontos no cômputo geral. Foram 171, contra 165 do atual campeão do US Open. Nada disso, porém, evitou a vitória do cada vez mais embalado Nadal.

“O tênis às vezes é cruel. Esta partida não merecia um perdedor, mas tem que haver um. E, se desconsideramos o primeiro set, houve um equilíbrio ao longo da partida”, disse Thiem, conformado com a derrota, que marcou a melhor campanha do austríaco no US Open. Até então, ele nunca havia passado das oitavas de final.

As duas últimas parciais da partida foram as mais equilibradas. No quarto set, cada tenista faturou uma quebra de saque. E, na quinta parcial, não houve quebras. Thiem terminou o jogo com 57 erros não forçados, diante de 49 do favorito, que foi até o lado da quadra do austríaco para abraçá-lo ao fim da partida. “Espero que possamos ter no futuro outros jogos como esse, mas com um final diferente”, afirmou o austríaco, sem esconder o cansaço pela “maratona”, em razão do forte calor e da alta umidade em Nova York.

Na semifinal, Nadal vai reencontrar o argentino Juan Martín del Potro. Eles vão reeditar a semi do ano passado no US Open, quando o espanhol levou a melhor e depois faturou o título. O número três do mundo leva desvantagem no confronto, com apenas cinco vitórias e 11 derrotas.

Com informações do Estadão Conteúdo.
Continue lendo

esporte

Goleiro acreano fica fora da Copa América

Publicado

em

Por ac24horas

O técnico Tite, da seleção brasileira, frustrou a enorme torcida acreana que esperava pela convocação do goleiro Weverton, para a Copa América, que será disputada no Brasil entre 14 de junho e 7 de julho.

Revelado pelo Juventus do Acre, Weverton, que nasceu em Rio Branco, tem 31 anos e tem como destaque suas passagens pela Portuguesa, Atlético Paranaense e Palmeiras. Como principais títulos, os nacionais da Série B em 2008 e 2011, o título da Série A no ano passado e a conquista da medalha de ouro nas Olimpíadas do Rio de Janeiro em 2016.

Apesar de viver ótima fase no alviverde paulista e ter sido chamado na última convocação, Tite optou pelos goleiros Alisson (Liverpool da Inglaterra), Ederson (Manchester City também da Inglaterra) e Cássio do Corinthians.

Além dos três goleiros, Tite convocou os seguintes jogadores para a Copa América:

Laterais – Alexsandro (Juventus-Itália), Daniel Alves (PSG-França), Filipe Luís (Atlético de Madri-Espanha) e Fagner (Corinthians);

Zagueiros – Eder Militão (Porto-Portugal), Marquinhos (PSG-França), Thiago Silva (PSG-França) e Miranda (Inter de Milão-Itália);

Meio campo – Allan (Napoli-Itália), Arthur (Barcelona-Espanha), Casemiro (Real Madrid-Espanha), Fernandinho (Manchester City-Inglaterra), Lucas Paquetá (Milan-Itália) e Philippe Coutinho (Barcelona-Espanha);

Atacantes – David Neres (Ajax-Holanda), Éverton (Grêmio), Firmino (Liverpool-Inglaterra), Gabriel Jesus (Manchester City-Inglaterra), Neymar (PSG-França) e Richarlison (Everton-Inglaterra).

Continue lendo

cidades

Quase 70% dos internautas reprovam mudança de nome da Arena da Floresta

Publicado

em

Por G1 Acre

Opção ‘Não’ é a mais votada em enquete proposta pelo GloboEsporte.com com 68,38% da preferência

Se depender da opinião dos internautas, a Arena da Floresta não deve ter o nome modificado pela atual gestão do governo, que estuda uma possível alteração no futuro. Em enquete proposta pelo GloboEsporte.com, 68,38% dos votos escolheram a opção “Não” para responder a pergunta: “Arena da Floresta mudar de nome: você aprova?”.

Resultado final enquete mudança nome Arena da Floresta — Foto: Reprodução/GloboEsporte.comResultado final enquete mudança nome Arena da Floresta — Foto: Reprodução/GloboEsporte.com

Resultado final enquete mudança nome Arena da Floresta — Foto: Reprodução/GloboEsporte.com

A enquete ficou aberta para participação do público por uma semana. A opção “Sim” foi a preferida de 31,62% dos votos.

A Arena da Floresta foi inaugurada em 17 de dezembro de 2006. A partida de estreia do estádio foi entre Rio Branco-AC e Seleção Brasileira Sub-20, que terminou com vitória do Estrelão por 2 a 1. O atacante Rogério Tarauacá, que defendia o Alvirrubro à época, foi o autor do primeiro gol.

Rogério Tarauacá marca 1º gol da Arena da Floresta, em 2006 — Foto: Reprodução/Rede Amazônica AcreRogério Tarauacá marca 1º gol da Arena da Floresta, em 2006 — Foto: Reprodução/Rede Amazônica Acre

Rogério Tarauacá marca 1º gol da Arena da Floresta, em 2006 — Foto: Reprodução/Rede Amazônica Acre

Desde então, a praça esportiva é palco de jogos importantes dos clubes acreanos no cenário estadual e nacional.

Continue lendo

esporte

Que fase: Times do Acre continuam sem vencer no brasileirão

Publicado

em

Por oaltoAcre

Ainda não foi neste fim de semana que o futebol acreano conseguiu a primeira vitória em uma competição nacional. Das três equipes que entrar em campo, ninguém conseguiu um triunfo. Foram dois empates e uma derrota.

No sábado, jogando em Manaus, o Galvez foi goleada pelos donos da casa por 5×2, em jogo válido pela série D. Domingo, em Varginha, interior de Minas Gerais,.o Atletico empatou em 0x0 com o Boa Esporte pela série C.

Ainda no domingo, na Arena da Floresta, o Rio Branco ficou no empate sem gols com o Fast/AM  Essas mesmas equipes voltam a campo no próximo final de semana, buscando a primeira vitória do futebol acreano no brasileirão.

Continue lendo

Veja também

Mais lidas

Portal de notícias do Acre | Diretor e Redator - Lenilda Cavalcante FENAJ 084 | Copyright © 2006-2018 ECOS DA NOTÍCIA - Todos os direitos reservados.