Rio Branco,

aaa

Policiais dizem que vão fazer segurança de Bolsonaro voluntariamente

marcos dione, do ecos da notícia
- Publicidade-

Foto/Reprodução

Após o governador Tião Viana se recusar a conceder efetivo da Polícia Militar para fazer a segurança do presidenciável Jair Bolsonaro (PSL) durante sua visita a Rio Branco, policiais militares usaram as redes sociais para afirmar que vão atuar na segurança do candidato voluntariamente.

Um desses policiais é Freitas Alves, que no Facebook, fez o seguinte comentário: “Tem rolo não, vou fazer a segurança do mito voluntariamente. E tenho certeza que muitos de meus irmãos também vão”.

Bolsonaro chega a capital acreana por volta do meio dia deste sábado (1º). Na sexta (31), o presidenciável esteve em Porto Velho, onde foi recebido por uma multidão. Em Rondônia, a PM fez a segurança do candidato.

Ao Antagonista, o presidente do PSL, Gustavo Bebianno, diz que o petista será “responsável por qualquer acidente que ocorra com o candidato, sua comitiva e os milhares de eleitores e admiradores que compareçam à recepção”.

- Publicidade-

ÚLTIMAS NOTÍCIAS