Rio Branco,

aaa

Jornalista revela mentiras de Coronel Ulysses sobre desistência de candidatura ao governo

marcos dione, do ecos da notícia
- Publicidade-

Foto-Reprodução

O candidato do PSL ao governo do Acre, Coronel Ulysses Araújo, mentiu durante coletiva de imprensa na manhã desta sexta-feira (3) na sede do partido, em Rio Branco. É o que afirma o jornalista e colunista político Luiz Carlos Moreira Jorge, o Crica. Em seu blog, o jornalista revelou as verdades sobre a polêmica desistência da candidatura do militar.

Na quarta-feira (1º) foi noticiada a desistência de Ulysses a concorrer o cargo de governador do Estado do Acre. Desde então, o político desligou o celular e não atendeu nenhum jornalista. No Facebook, numa nota sem lógica, ele pediu compreensão ao público, pois estava decidindo se mantinha ou não a candidatura.

Na coletiva, Ulysses alegou que em nenhum momento e que nunca houve proposta financeira de R$ 5 milhões por parte de Gladson, como foi divulgado por um site local. “Não houve negociata de dinheiro. Cinco milhões é muito dinheiro, mas isso não compra nossa honra”, disse.

Sobre não atender ligações de repórteres, ele se desculpou dizendo que estava “meditando”. Luiz Carlos Moreira Jorge, divulgou na tarde de hoje, que a informação da desistência de Ulysses foi passada por Tião Bocalom (DEM), à quem o coronel teria falado a respeito da renúncia.

“A única verdade da sua coletiva ontem à imprensa foi de que nunca deu uma entrevista a este respeito. A comunicação de que estava fora já tinha sido feita duas vezes por ele aos seus candidatos a deputado federal. Publiquei tudo porque a palavra do Bocalom para mim é como ter firma reconhecida em cartório”, escreveu o jornalista.

Crica conclui afirmado, que: ” Ulisses não suportou a pressão do grupo que queria a permanência da sua candidatura. O resto é perfumaria barata. Só não pode é varrer para baixo do tapete o verdadeiro fato de que renunciou por duas vezes. A próxima pesquisa, não a que está sendo publicada hoje, já trará nos números o reflexo deste episódio da renúncia da renúncia do Coronel”.

- Publicidade-

ÚLTIMAS NOTÍCIAS