Rio Branco,

aaa

Mulher que se diz integrante do “PCC” e estava foragida do Acre é presa em Rondônia

marcos dione, do ecos da notícia
- Publicidade-

Foto-Comando 190

Andressa Paulino de Souza, 20 anos, foi presa na noite de sexta-feira (20) no município de Cacoal, no interior de Rondônia. A mulher possuía um mandado de prisão em aberto pelo crime de formação de quadrilha. Ela é de Sena Madureira, no Acre, e era considerada foragida da Justiça.

Ao ser presa por uma guarnição da Polícia Militar, Andressa afirmou ser integrante da facção criminosa “PCC”, que significa Primeiro Comando da Capital. A jovem relatou ainda, que é ameaçada de morte por integrantes do Comando Vermelho, um vez que ela abandou o grupo criminoso.

De acordo com a informação passada pela polícia, a mulher afirmou que chegou a ser sequestrada e levada para ser morta e esquartejada, mas durante o trajeto, uma guarnição da PM abordou o carro e prendeu os criminosos. Nesse dia ela escapou e fugiu para o município de Cacoal.

- Publicidade-

ÚLTIMAS NOTÍCIAS