26 outubro 2021 9:32 pm
24.3 C
Rio Branco
26 outubro 2021 9:32 pm

Detento que fugiu escalando muralha de presídio é suspeito de matar homem no interior do Acre

Por Aline Nascimento, G1 AC, Rio Branco

Odilio Bezerra é suspeito de matar Felipe Gomes e tentar matar Elivandro de Oliveira, em Epitaciolândia. Suspeito fugiu do FOC em maio e, após os crimes deste domingo (10), se escondeu na Bolívia.

- Publicidade-

O dilio Bezerra da Costa, que fugiu escalando a muralha do Complexo Prisional Francisco d’Oliveira Conde (FOC), em Rio Branco, no dia 5 de maio, é o principal suspeito de matar Felipe Gomes de Santana, em Epitaciolândia, interior do estado.

Os presos usaram uma corda ‘tereza’ – feita com lençóis emendados – para escalar a muralha da unidade. Todos 11 os detentos eram da cela 22 do pavilhão A e fugiram após fazerem um buraco no banheiro.

Além desse crime, Costa tentou matar outra pessoa próximo do local onde Santana morreu. Os crimes ocorreram na tarde deste domingo (10), na Rua Joana Barroso Bezerra. O criminoso está foragido, mas a polícia descobriu que ele teria ido para a Bolívia, país vizinho do Acre.

A Polícia Militar do Acre (PM-AC) informou que Elivandro de Oliveira, de 31 anos, foi ferido com dois tiros e socorrido pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu).

Em uma rua próximo do local, Felipe Santana foi encontrado caído no chão. Ele falou para a polícia que o suspeito ainda tentou disparar mais duas vezes contra ele, mas a arma falhou.

O delegado que investiga o caso, Karlesso Néspoli, falou que a principal linha de investigação é acerto de contas entre as facções criminosas.

“Foi elucidado. O cara foi identificado, mas está foragido. Acerto de contas entre facções. Matou uma e tentou matar outra. Já descobrimos quem é, mas ele foi para Bolívia. Ainda vamos avaliar a motivação certinha, mas basicamente é briga entre as facções”, complementou.

- Publicidade-
spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

ÚLTIMAS NOTÍCIAS