Rio Branco,

aaa

Família de agricultor encontrado morto e que teve olho arrancado pede justiça: ‘fizeram uma perversidade’

Por Aline Nascimento, G1 AC, Rio Branco

Corpo de Raimundo Rosário da Costa foi encontrado na quinta (24) no Rio Acre. Família diz que vítima era uma pessoa tranquila.

- Publicidade-

Sobrinhos, amigos e outros familiares do agricultor Raimundo Rosário Carlos da Costa, de 50 anos, se reuniram na manhã desta segunda-feira (28) na porta da Divisão de Investigação Criminal (DIC), em Rio Branco, para pedir justiça.

O corpo de Costa foi encontrado no Rio Acre na quinta-feira (24), mas a família acredita que o crime ocorreu na quarta (23).

O Corpo de Bombeiros fez o resgate do cadáver após ser acionado por populares. Segundo a família, Costa quase teve o pescoço degolado, um dos olhos arrancados e o outro furado. Além disso, ele sofreu outros ferimentos pelo corpo.

A família se reuniu na porta da DIC após saber que o suspeito se entregaria nesta segunda. Porém, um parente dele foi ouvida durante depoimento à polícia.

Família cobrou justiça pela morte de Raimundo da Costa (Foto: Aline Nascimento/G1)

Família cobrou justiça pela morte de Raimundo da Costa (Foto: Aline Nascimento/G1)

“Não era uma pessoa que fazia mal a ninguém, a comunidade está toda de prova. Fizeram uma perversidade com ele. Uma perversidade muito grande e pior que já vimos na vida. Ele não merecia passar por isso”, falou a sobrinha de Costa, Maria José.

Maria contou ainda que Costa chegou em casa e falou que ia sair para comprar cigarros. Ao chegar em um comércio, encontrou a pessoa apontada pela família como suspeito. Os familiares afirmam que, após beberem juntos, o suspeito levou Costa para a beira do rio e praticou o crime.

“A gente acha que levaram ele para ser executado por volta das oito e meia da noite. Não tem motivo de nada. Era uma pessoa que só trabalhava e bebia a bebida dele sem mexer com ninguém. A comunidade toda revoltada para saber o motivo dessa crueldade”, lamentou.

- Publicidade-

ÚLTIMAS NOTÍCIAS