Rio Branco,

aaa

Escola é investigada por reter salários de professores e doação irregular de merenda em Rio Branco

Por Quésia Melo, G1 AC, Rio Branco

MP apura também contratações e doações de merenda irregulares. Ao G1, a Seme informou que abriu uma sindicância para apurar o caso e vai tomar as medidas cabíveis.

- Publicidade-

O Ministério Público do Acre (MP-AC) abriu um inquérito civil, nesta segunda-feira (30), para apurar a denúncia de que a direção da Escola Anita dos Santos, em Rio Branco, está retendo o salário dos professores.

O documento foi publicado no Diário Eletrônico do MP-AC e assinado pelo promotor de Justiça Wendy Takao Hamano. Ao G1, o secretário de Educação de Rio Branco, Márcio Batista, informou que abriu uma sindicância para apurar o caso.

“Já abrimos a sindicância há cerca de dois meses. Após a sindicância vamos definir as medidas necessárias”, afirmou.

Além da retenção dos pagamentos, o MP também vai apurar a prestação de serviço de pessoas estranhas ao quadro de professores e doação irregular de merenda escolar que pode caracterizar improbidade administrativa.

O MP-AC já acompanhava o fato, mas destaca que o caso não foi apreciado dentro do prazo legal e que é necessário aprofundar as investigações.

Um ofício deve ser encaminhado à Seme solicitando, no prazo de dez dias, uma cópia na íntegra da sindicância realizada no âmbito administrativo. A secretaria deve esclarecer quais providências foram adotadas.

- Publicidade-

ÚLTIMAS NOTÍCIAS