Rio Branco,

Mulher é morta uma semana após denúncia de violência doméstica

Por noticiasaominuto

Principal suspeito é o marido da vítima, que está foragido

Publicidade

Morta a tiros na manhã dessegunda-feira (20), a trabalhadora rural Alexandra de Oliveira, de 40 anos, registrou boletim de ocorrência por violência doméstica uma semana antes do crime.

Após o registro, segundo o G1, a polícia da cidade de São Pedro do Turvo (SP) chegou a protocolar um pedido de medida protetiva em caráter de urgência – o que acabou não surtindo efeito.

De acordo com informações da polícia, Alexandra foi vítima de uma emboscada: ela seguia de carro para trabalhar em um estrada da zona rural quando precisou parar para retirar galhos colocados na pista. Ao descer do veículo, foi atingida por três tiros disparados por um homem que estava escondido.

O principal suspeito é o marido da vítima, com quem ela estava casada há 15 anos. Ele está foragido.


Publicidade




ÚLTIMAS

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
Publicidade