Rio Branco,

Acreaves diz que sofreu “um brutal e covarde ataque de uma denúncia anônima”

Por ac24horas

Publicidade

Depois de ter três de seus caminhões apreendidos na quarta-feira passada, 22, pela Polícia Militar em Senador Guiomard, transportando R$314 mil, a empresa Acreaves resolveu, na noite desta quinta-feira, emitir nota de esclarecimento, informando que “a empresa sofreu um brutal e covarde ataque de uma suposta denúncia anônima”.

“A partir de uma denúncia anônima, típica dos covardes, tivemos três veículos abordados pelos órgãos de segurança. Sem temer, pedimos que fossem adotados todos os procedimentos legais e foi constatado que nenhuma ilicitude fora cometida pelos nossos funcionários ou pela nossa empresa”, diz a Acreaves em nota.

A empresa conseguiu comprovar a origem e destinação do dinheiro encontrado. Também havia a suspeita de que os caminhões estivessem transportando drogas no dia da apreensão, mas depois de um dia todo de trabalho, agentes da Polícia Civil concluíram a inexistência de produto ilícito nos veículos.

“Desde já agradecemos o trabalho da Polícia Civil do Estado do Acre, que de forma célere e eficaz tomou as medidas necessárias para conclusão da investigação na mesma data, a fim de que não pairasse dúvidas quanto a idoneidade de nossa empresa, que ao final restou provado não haver qualquer irregularidade que possa atingir a moral de nossa empresa”, acrescenta a nota.


Publicidade




ÚLTIMAS

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
Publicidade