Siga-nos

Aguarde processando...

X
Loading...

Herdeira de banco suíço doa R$ 500 mil ao ex-presidente Lula

noticiasaominuto.com.br

Entre as doações está o último cheque da mesada de seu avô no valor de 28 mil francos suíços

herdeira da família fundadora do banco Credit Suisse, Roberta Luchsinger, criou um movimento em apoio financeiro ao ex-presidente Lula após o pedido de Moro pelo bloqueio de quase R$ 10 milhões em planos de previdência e contas bancárias. A neta do suíço Peter Paul Arnold Luchsinger doou cerca de R$ 500 mil em dinheiro, joias e outros bens de valor ao petista.

“Com o bloqueio dos bens de Lula, Moro tenta inviabilizá-lo tanto na política quanto pessoalmente. Vou fazer uma doação para que o presidente possa usar conforme as necessidades dele”, disse Roberta.

Entre as doações está o último cheque da mesada de seu avô, que morreu no dia 8 de julho, no valor de 28 mil francos suíços (cerca de R$ 91 mil).

“Foi o último cheque que recebi dele e vou repassar integralmente ao Lula. Agora, já podem dizer que ele tinha conta na Suíça, aquela que os procuradores da Lava Jato tanto procuraram e não acharam”, ironiza.

De acordo com a coluna ‘Rede Social’, da Folha de S. Paulo, Roberta pretende lançar sua candidatura a deputada estadual pelo PCdoB na eleição de 2018.

“Roberta tem personalidade própria, é progressista e provém de um segmento social pouco usual no nosso partido. É muito bem-vinda neste momento em que buscamos renovação e queremos trazer pessoas de bem para a política”, disse o vice-presidente do PCdoB, Walter Sorrentino.

Roberta critica os cortes em programas sociais aprovados na gestão do presidente Michel Temer e diz que apoia a taxação sobre grandes fortunas. Segundo a reportagem, a herdeira não acha incompatível lutar por uma sociedade igualitária, mesmo com seu estilo de vida sofisticado.

Publicidade

Escreva seu comentário

Informamos aos nossos caros leitores que a Equipe Ecos da notícia não se responsabilizará pelas consequências jurídicas
sobre os comentários divulgados.