Siga-nos

Aguarde processando...

X
Loading...

Prefeito visita Barral y Barral e avalia atendimento

Redação Ecos da Notícia

O prefeito Marcus Alexandre visitou nesta quinta-feira, 18, a Policlínica Barral Y Barral, que já oferece novos serviços à população e em breve vai ampliar o atendimento especifico para mulheres, crianças, idosos e autistas. Acompanhado da equipe de gestão, Marcus Alexandre avaliou as mudanças e alterações que serão feitas para que a população tenha acesso adequado aos novos procedimentos em implantação. “Aqui, além dos clínicos, vamos ampliar os serviços e contar com especialistas”, citou o prefeito.

No Barral Y Barral, a primeira unidade a ter todo o atendimento informatizado através do Prontuário Eletrônico, são atendidas diariamente 900 pessoas com consultas médicas, odontológicas, exames, vacinas e outros procedimentos. E tudo é previamente agendado, o que tem proporcionado um incremento no atendimento. A secretária-adjunta de Saúde, Jesuíta Arruda, cita que o número de ultrassonografias realizadas foi ampliado: cada um dos 4 médicos da unidade, realizava 60 exames de ultrassonografia por semana, número que foi ampliado para 80. A quantidade de coleta de exames laboratoriais também aumentou, de 80 para 100 diários.

O eletrocardiograma é outra novidade da Policlínica. Exame que permite a avaliação elétrica da atividade cardíaca registrada em gráficos que são comparados com gráficos padrão e que indicam, assim, o estado de normalidade ou de alteração dos músculos e nervos do coração. Também funciona no Barral Y Barral o Centro de Especialidades Odontológicas – CEO, onde são realizados tratamentos como de endodontia (canal), cirurgia oral menor, tratamento de periodontia (gengiva), bucomaxilo e remoção de tumores.

A sala de estimulação sensorial do Centro de Referência em Autismo, que também vai funcionar no Barral Y Barral, está quase pronta e deverá ser inaugurada em breve.

Da Assessoria
Fotos Marcos Vicentti/Asscom

Publicidade

Escreva seu comentário

Informamos aos nossos caros leitores que a Equipe Ecos da notícia não se responsabilizará pelas consequências jurídicas
sobre os comentários divulgados.