Rio Branco,

“Governo incompetente” prende R$ 4,5 milhões para o Ruas do Povo e causa insolvência nas empresas, denuncia deputada

Política

Por Assem Neto

liane33A Caixa Econômica Federal (CEF) aguarda uma contrapartida mínima do Governo do Acre para liberar R$ 4,5 milhões, que já estão na conta, destinados ao Programa Ruas do Povo em Rio Branco. A parte que cabe ao governo (R$337 mil), equivale a 7,5%. A notícia foi levada à Assembléia Legislativa, na manhã desta quarta-feira, pela líder da oposição, deputada Eliane Sinhasique (PMDB), num tom de denúncia.
“Não vejo maior exemplo de incompetência da gestão do PT no Acre. Há 2 meses esses recursos estão presos, aguardando a contrapartida do estado, para que as obras sejam reiniciadas em cinco bairros populosos da cidade. O Depasa tem sido cruel com os cidadãos que esperam há anos pela conclusão das obras. As empreiteiras estão falindo, por causa do calote aplicado pela administração pública. E os empregados não recebem seus salários há 60 dias”, denunciou a deputada.
Sinhasique informou que quatro empresas já entraram com pedido de recuperação judicial e estão á beira da insolvência por que não recebem do governo pelos serviços já executados. Nos bairros mencionados pela deputada, que seriam contemplados com o Ruas do Povo, as obras permanecem paradas, e sua continuidade está ameaçadas com o período invernoso.


Publicidade

Publicidade




ÚLTIMAS

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
Publicidade