Rio Branco,

Família procura mineiro que estaria morando no Acre há quase 30 anos

Desaparecido

Por G1 acre

idoso_estaria_morando_no_bairro_recanto_dos_buritis_em_rio_brancoO desejo de reunir a família foi o que motivou a estudante Aline Rodrigues da Silva, de 34 anos, a procurar o tio Jaliro Francisco de Souza, de 56 anos, que estaria morando na capital acreana. A estudante, que mora em Minas Gerais, conseguiu a informação de que o tio estaria morando no bairro Recanto dos Buritis, em Rio Branco. Ela afirma que ele não é visto pela família há quase 30 anos pela família.

Publicidade

A última vez que o homem, que é natural de Novo Oriente (MG), visitou a família foi entre os anos de 1987 e 1989, segundo a sobrinha.

Aline conta que Souza é um dos quatro tios maternos que ainda estão vivos e pretende reunir todos eles, ou pelo menos restabelecer o contato. A estudante afirma que, antes de conseguir algumas informações sobre o tio, pensava que ele não estava mais vivo.

“Há muitos anos faço pesquisas na internet para saber alguma informação sobre meu tio. Já consegui alguns detalhes. Encontrei na Justiça uma briga pela guarda de um menor em nome dele, no Acre. Depois, fui na Secretaria de Saúde da minha cidade e, pelos nomes dele e da minha avó, conseguiram descobrir que o cartão do SUS [Sistema Único de Saúde] dele tinha o endereço no Recanto dos Buritis “, conta a sobrinha.

Além do cartão do SUS, a estudante afirma que, através da Justiça Eleitoral da cidade onde vive, Teófilo Otoni (MG), conseguiu encontrar novas informações. “Eles não podem dar detalhes, mas falaram o endereço do local de votação dele, que é na Escola Estadual Duque de Caxias, no bairro Belo Jardim II, em Rio Branco. Daí ficamos sabendo que ele estava com a votação em dia. Até então, não sabíamos nem que ele estava vivo”, diz.

Aline pede que se alguém tiver alguma notícia sobre o paradeiro do tio entre em contato com ela em sua página no Facebook.


Publicidade




ÚLTIMAS

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
Publicidade