Rio Branco,

Falido, Manuel Urbano vai pagar aumento de 30% ao prefeito, vice, secretários e vereadores. População se revolta

Endividado

Por Por Assem Neto/ Ecos da Notícia

tanizio

Publicidade

O salário do novo prefeito de Manoel Urbano, Tanízio Sá (PMDB) vai subir de R$ 12 mil R$ 16 mil. O aumento será aprovado pela Câmara Municipal, na sessão da próxima terça feira. A remuneração bruta dos secretários, hoje de R$ 3,2 mil, será elevada para  R$ 5 mil. Os  nove vereadores também votarão o reajuste de seus próprios salários. A proposta diz que os parlamentares ganham muito pouco, em torno de R$ 1.8 mil, e teriam direito a uma remuneração “mais digna”, que passará a R$ 4 mil.

A proposta de reajuste salarial de 30%  é demagoga e não condiz com a realidade financeira do município, castigado pela má gestão pública ao longo dos últimos anos. A prefeitura já gasta 72% de sua arrecadação com folha de pagamento,  desrespeitando a lei de responsabilidade fiscal que só permite a utilização de 60% da receita para pagamento salarial.

O reajuste contradiz as declarações públicas do prefeito eleito, Tanisio Taumaturgo de Sá (PMDB), durante a campanha. Ele chegou a dizer que abriria mão dos primeiros três meses de salário para desafogar a folha de pagamento da prefeitura.

O clima na cidade e de revolta popular porque os servidores públicos estão há mais de.8 anos sem reajuste salarial enquanto o poder público aumenta em  mais  de 30% seus próprios salários. A comunidade local se mobilizar para protestar, na próxima terça feira, em frente à câmara, contra o reajuste salarial do prefeito, seu vice, dos vereadores e secretários.


Publicidade




ÚLTIMAS

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
Publicidade