Rio Branco,

Bebê que já “morreu” duas vezes desafia ciência

Austrália

Por Notícias ao Minuto

naom_5809e40a5e530Um bebê nascido em Queensland, Austrália, superou todas as previsões pessimistas acerca da sua saúde. A história de Olly Rafflin tinha tudo para ter um final triste, o que não aconteceu. Ele nasceu com os órgãos misturados, fruto de uma doença chamada hérnia diafragmática congênita. Uma síndrome que provoca falha no diafragma, podendo levar os órgão em direção ao peito do bebê.

Publicidade

De acordo com o site Metropoles, logo quando nasceu, os médicos tiveram que ressuscitá-lo pela primeira vez, pois a cavidade esquerdo do seu peito estava preenchida com o estômago e o intestine, enquanto o pulmão não havia formado. Nove dias depois, ele quase morreu pela segunda fez e teve que passar por nova cirurgia.

“Ele estava com um buraco no pulmão e não havia oxigênio passando pelo seu corpo. Foi necessário 10 minutos para que os médicos trouxessem ele de volta à vida”, contou a mãe Sherree Rafflin ao Daily Star.

Hoje aos 2 anos, Olly é considerado um vencedor e está está bem melhor. “Olly come como um cavalo. Ele ama macarrão e sorvete”, diz a mãe, que espera que a história sirva para despertar a consciência para essa doença.


Publicidade




ÚLTIMAS

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
Publicidade