Siga-nos

Aguarde processando...

X
Loading...

Chefe da Williams diz que Senna agia para ‘intimidar’ adversários

Paddy Lowe fez afirmação ao responder pergunta sobre supostas semelhanças entre o brasileiro e Lewis Hamilton

Redação Ecos da Notícia

Integrante da equipe de Ayrton Senna na McLaren, em 1993, o atual chefe da Williams, Paddy Lowe, foi perguntado sobre eventuais semelhanças entre Lewis Hamilton, que igualou o recorde de pole positions do brasileiro, e o tricampeão.

“Eu acho que eles são bem diferentes. As pessoas criticam (Hamilton) por uma série de coisas, mas na verdade ele está acima de tudo isso, um verdadeiro cavalheiro e um piloto muito justo. Duro, mas justo. Com Ayrton, temos a tendência de ficar um pouco envergonhado”, afirmou, segundo o jornal Lance

“Na maior parte, eu estava jogando contra Ayrton, nos dias de Williams era Ayrton o cara que lutávamos para vencer. Nós finalmente conseguimos em 1992, mas pareceu impossível nos anos que passaram, ele era implacável. Ele usava várias táticas para intimidar seus rivais, mas era o ‘jogo’ naquela época.”

“Eu estava falando com Riccardo Patrese outro dia sobre isso e sem mencionar quaisquer caso específico, lembramos que você não recebia uma punição por bloquear outro piloto durante a qualificação naqueles dias. Era assim que as coisas aconteciam. Agora você pode confiar na ‘polícia” que ela aplicará a multa. É um mundo diferente e Ayrton jogou como ele deveria jogar”, finalizou.

Publicidade

Escreva seu comentário

Informamos aos nossos caros leitores que a Equipe Ecos da notícia não se responsabilizará pelas consequências jurídicas
sobre os comentários divulgados.